quarta-feira, 26 de setembro de 2018

Compartilhe

O Los Angeles Rams continua sendo, no momento, o melhor time da NFL neste início de temporada. A equipe da Califórnia vem de uma vitória de 35 a 23 sobre o irmão de cidade Los Angeles Chargers, em casa. Hoje, o retrospecto é de 3-0. No Thursday Night Football da semana 4, nesta quinta-feira, 27 de setembro, às 21h20, horário de Brasília, o time do técnico Sean McVay joga mais uma vez diante de sua torcida no Los Angeles Memorial Coliseum contra o Minnesota Vikings.

Com a vertiginosa queda de rendimento do New England Patriots, que está 1-2, os Rams assumiram de vez a condição de grandes favoritos ao título do Super Bowl LIII. De acordo com o Oddsshark.com, o valor dos odds do título é de R$ 5,50 para cada R$ 1,00 investido nas casas de apostas. Olha, se eles vão vencer a liga ainda é cedo para afirmar, porém você pode palpitar sem medo que a conquista da NFC Oeste vem. A franquia californiana é a líder disparada, e tecnicamente é superior a Seattle Seahawks, Arizona Cardinals e San Francisco 49ers.  O retorno é baixo, de R$ 1,06, mas é garantido.

O Vikings, que na temporada passada disputou a final da NFC contra o Philadelphia Eagles, é também um dos principais times da liga, no entanto deu uma grande tropeçada no fim de semana passado. No domingo, em Buffalo, eles sucumbiram diante do Bills, uma das equipes mais fracas ao lado do Cardinals. O placar foi de 27 a 6. Este revés deixou a campanha em 1-1-1. Vencer agora é importantíssimo para eles se aproximarem do Chicago Bears, primeiro colocado da NFC Norte, e, quem sabe ultrapassar o Green Bay Packers. Por incrível que pareça, o mundo das apostas não está levando fé no título de divisão do Chicago, não! O favoritismo é do Minnesota, avaliado em R$ 2,15 para 1.

Los Angeles Rams 

No ataque, o Rams tem números extremamente positivos. O jogo corrido soma 133.7 jardas, e o aéreo, 305.7, representando o 6º e o 5º lugar do ranking, respectivamente. A equipe também é a quarta que mais pontuou até agora. Foram 24 pontos.

O quarterback Jared Goff, que não é nenhum fora de série, completou 71 dos 101 passes tentados, avançando 941 jardas com 6 touchdowns e apenas 2 interceptações sofridas. Outro pilar ofensivo extremamente importante é o running back Todd Gurley. Em 62 carregadas foram conquistadas 255 jardas, uma média de 4.1 por snap, e 4 TDs.

O time de defesa também vai muito bem. Para construir boas campanhas, é fundamental ser equilibrado nos dois lados da bola. Os Rams são a franquia que menos pontos sofreu: foram 12, no 1º lugar do ranking. Contra as corridas foram cedidas 96.7 jardas, e contra os lançamentos, 199.3. Estes quesitos representam o 9º e 6º colocação de toda a liga. O Los Angeles só não é um grande sacador de QBs, com 4 sacks. A quarta vitória gera R$ 1,35.

Minnesota Vikings

Ao olharmos os dados do ataque do Vikings, cotado em R$ 3,30, segundo o Oddsshark.com, fica bem claro que o mapa da mina é a jogada aérea. É por aí que o técnico Mike Zimmer e os seus coordenadores montam o plano de jogo. Lançando a bola, o time de Minnesota teve 305,7 jardas, sendo o 4º do ranking. Já correndo, o desempenho cai bastante, com apenas 66 jardas. Neste quesito, a colocação da tabela é a 31ª, ou seja, a penúltima.

Kirk Cousins tem usado bastante o braço. Em 139 tentativas, ele completou 95, com 965 jardas, 7 TDs e 2 interceptações. Cousins sofreu 7 sacks. Imagina só se essa linha ofensiva proteger melhor o seu QB? O wide receiver Adam Thielen é o principal recebedor, tendo 32 recepções, 338 jardas e 1 touchdown, porém quem mais pontuou foi o companheiro de posição Stefon Diggs, com 3 bolas recebidas na end zone.

Defendendo, o time roxo é mais agressivo contra o jogo de passes, permitindo aos adversários 219 jardas, sendo o 9º da liga. No combate às corridas foram 105.3 jardas, com o 14º lugar da classificação. Sacando os QBs, o Vikings é uma máquina, com 10 sacks.  Eles têm uma das melhores linhas defensivas da NFL.

Histórico de confrontos

Em sete jogos, o Minnesota Vikings venceu em todas as oportunidades. É uma grande freguesia. O último encontro foi no ano passado, na temporada regular. Na ocasião, no U.S. Bank Stadium, em Minneapolis, os anfitriões fizeram 24 a 7.

O Oddsshark.com indica que, caso o placar passe dos 48 pontos somados, você leva R$ 1,90 para 1. Mesmo se o marcador não atingir este número também é possível garantir esta quantia. Agora, um triunfo dos Rams por 8 pontos ou mais garante R$ 1,95, enquanto que os Vikings perdendo por até 7 pontos paga R$ 1,87.

Dica

Os palpites do computador são uma boa pedida caso você não esteja familiarizado e por dentro da temporada da NFL. Os valores dos odds são gerados a partir de uma série de análises de algoritmos. O PC tem um alto índice de acertos.

Confira os jogos e os odds da semana 4:

Quinta-feira (27 de setembro)

21h20 – Los Angeles Rams (R$ 1,35) x (R$ 3,30) Minnesota Vikings

Domingo (30 de setembro)

14h – Green Bay Packers (R$ 1,23) x (R$ 4,25) Buffalo Bills

14h – Atlanta Falcons (R$ 1,43) x (R$ 2,90) Cincinnati Bengals

14h – Dallas Cowboys (R$ 1,62) x (R$ 2,40) Detroit Lions

14h – Indianapolis Colts (R$ 1,80) x (R$ 2,05) Houston Texans

14h – New England Patriots (R$ 1,34) x (R$ 3,35) Miami Dolphins

14h – Jacksonville Jaguars (R$ 1,27) x (R$ 3,80) New York Jets

14h – Tennessee Titans (R$ 2,75) x (R$ 1,47) Philadelphia Eagles

14h – Chicago Bears (R$ 1,66) x (R$ 2,33) Tampa Bay Buccaneers

17h05 – Oakland Raiders (R$ 1,68) x (R$ 2,25) Cleveland Brown

17h05 – Arizona Cardinals (R$ 2,50) x (R$ 1,58) Seattle Seahawks

17h25 –New York Giants (R$ 2,60) x (R$ 1,55) New Orleans Saints

17h25 –Los Angeles Chargers (R$ 1,20) x (R$ 4,75) San Francisco 49ers

21h15 – Pittsburgh Steelers (R$ 1,58) x (R$ 2,50) Baltimore Ravens

Segunda-feira (1º de outubro)

21h20 – Denver Broncos (R$ 2,85) x (R$ 1,44) Kansas City Chiefs

*Times que estão de bye: Carolina Panthers e Washington Redskins

Texto produzido pela equipe do site Oddsshark.

Compartilhe

Leave A Reply