quinta-feira, 4 de outubro de 2018

Compartilhe

Após uma rodada que contou com vitórias impressionante de Patriots, Packers e Bears, adentramos na semana 5 da temporada regular. Em relação ao nosso querido Fantasy Football, estamos, exatamente, com 25% da temporada já superada. Neste momento, já possuímos uma quantidade interessante de estatísticas que, certamente, serão importantes para nos apontar algumas tendências das equipes na temporada.

Em nossos textos, que você poderá conferir todas as quintas-feiras, não mencionaremos jogadores que, independentemente do confronto, sempre devem ser escalados. Dito isto, não estranhe a ausência de nomes como Todd Gurley, Antonio Brown, Ezekiel Elliott e Rob Gronkowski.

Para ficar mais dinâmico e divertido, separamos as sugestões em três categorias:

Explosão: Jogadores com potencial para pontuar muito bem na rodada por motivos como, por exemplo: sua utilização recente ou algum confronto favorável.

Implosão: o oposto da categoria acima. São jogadores que, em sua maioria, terão confrontos bem desfavoráveis.

Ousadia ou desespero: aqui estarão as sugestões de jogadores para quem gosta de arriscar, tem poucas opções em ligas maiores, ou está desesperado por conta de lesões e byes.

Leia Mais: Revista Guia da NFL 2018

Leia Também: Visão Aérea: Tennessee Titans x Philadelphia Eagles

Sem mais delongas, vamos para as dicas de Fantasy da Semana 5:

Equipes de Bye: Bears e Buccaneers

QBs

Explosão

Matt Ryan (ATL) – A desfalcada defesa do Falcons tem colocado o ataque da equipe em várias situações de sufoco. Com isto, Matt Ryan tem tido performances (em termos de Fantasy acima de tudo) semelhantes as de sua temporada de MVP. Na última semana, foram 419 jardas e, nesta rodada, Matt tem tudo para continuar explodindo.

Alex Smith (WAS) – Só a defesa do Bucs, que está de Bye, cedeu mais pontos aos QBs adversários do que o Saints nesta temporada. Antes de sua semana de folga, Smith teve um bom desempenho contra o Packers e, agora, eu espero uma partida ainda melhor. Outro ponto interessante é que o ataque potente do Saints pode obrigar Smith a correr atrás do placar e isto, geralmente, é ótimo para o Fantasy.

Carson Wentz (PHI) – Algo estranho tem acontecido com a boa defesa do Vikings. Na última partida, Jared Goff passeou contra a equipe e, mesmo considerando o ataque sensacional de Sean McVay, o desempenho foi negativamente impressionante. Além disto, a performance de Josh Allen contra a equipe na semana 3 (isto é algo ainda mais impressionante) demonstra uma fraqueza, ao menos temporária, desta defesa. Unindo isto ao desempenho de Wentz, que parece estar 100% recuperado, eu aposto no QB do Eagles nesta semana.

Implosão

Baker Mayfield (CLE) – O novo QB do Browns é um jogador de muito potencial. A entrada de Baker no time causou um impacto imediato no desempenho ofensivo da equipe. De toda forma, nesta semana, Mayfield encara a ótima defesa do Ravens que ainda contará com o reforço do CB Jimmy Smith. É um bom momento para descansar o calouro.

Andy Dalton (CIN) – No começo deste texto, falávamos de estatísticas e tendências. Neste sentido, o encontro de Dalton e o Dolphins é bem interessante, pois nenhuma defesa conseguiu mais interceptações do que o Miami até aqui (9). Por outro lado, o QB do Bengals já lançou 6 delas em apenas 4 jogos. Este encontro de “talentos” não me parece favorável para Andy Dalton.

Russell Wilson (SEA) – Nos primeiros 4 jogos, a defesa do Rams conseguiu 4 interceptações. Além disto, a pressão exercida por sua ótima DL contra a frágil Linha ofensiva do Seahawks tem tudo para deixar Wilson sem tempo de piscar. Além deste cenário desfavorável, o desempenho do QB está longe de empolgar (estamos falando de Fantasy) nas últimas semanas.

Ousadia ou desespero

Marcus Mariota (TEN) – O desempenho do QB na última semana foi sensacional e o confronto com o Bills também é interessante. O problema é: Você confia em Mariota? Eu tenho dificuldades em acreditar em um desempenho constante do jogador do Titans. De toda forma, a categoria é ousadia, ou seja, Mariota é perfeito para ela.

Outras opções: Josh Rosen x 49ers (O calouro ainda vai sofrer bastante com a estrutura de apoio que o Cardinals possui, mas o 49ers já cedeu 11 passes para TD e só conseguiu uma interceptação até o momento) e Phillip Rivers x Raiders (o desempenho defensivo do Raiders tem sido mediano, porém Rivers vem jogando bem; aqui temos um piso bem seguro nesta rodada).

RBs

Explosão

Matt Breida/Alfred Morris (49ers) – Na última semana, falávamos da incapacidade do Cardinals em parar os RBs adversários e sugeríamos a escalação de Chris Carson. Infelizmente, Carson sentiu uma lesão e o mediano Mike Davis foi colocado em seu lugar. O resultado disto, mesmo contando com a OL do Seahawks, foi que Davis conseguiu 124 jardas de scrimmage e 2 TDs. Sendo assim, eu espero coisas interessantes dos RBs do 49ers. O único problema é a divisão de snaps, mas o cenário é extremamente favorável.

Aaron Jones (GB) – Outra defesa que tem muitas dificuldades em conter os RBs é o Lions. Em 4 semanas, são inacreditáveis 624 jardas terrestres permitidas. Assim como no caso anterior, a divisão de snaps é um problema. Porém, em relação ao Packers, Jones me parece ser o candidato mais promissor, pois é (com sobras) o corredor mais explosivo.

T.J. Yeldon (JAX) – Com Fournette (mais uma vez) fora, além de um confronto favorável, Yeldon pode ser uma aposta com alta recompensa nesta semana. O Chiefs continua com problemas defensivos e o desempenho de Royce Freeman/Philip Lindsay nos motiva ainda mais a apostar no RB do Jaguars.

Implosão

Dalvin Cook (MIN) – Colocar um jogador da capacidade de Cook nesta categoria gera um grande risco. Entretanto, o desempenho e a utilização do RB do Vikings foram muito decepcionantes na última semana. Some isto a um confronto diante da segunda melhor defesa contra RBs e temos um caso (provável) de implosão.

LeSean McCoy (BUF) – A introdução sobre Cook vale igualmente para McCoy. Jogador de capacidade incontestável, o RB do Bills tem tido muitas dificuldades no desanimador ataque da equipe de Buffalo. Quer mais um motivo? Em 4 semanas, a defesa do Titans não cedeu (seja correndo ou recebendo) nenhum TD para RBs.

Mike Davis (SEA) – Davis está aqui, pois tenho visto muita gente buscando o RB nos waivers após o desempenho impressionante da última semana. No entanto, nada aponta para que esta produção se mantenha. Além disto, Chris Carson deve retornar, Penny sempre tem seus snaps e, o principal, desta vez o jogo é contra o Rams. Eu entendo a euforia de escalar alguém que fez 25 pontos na semana anterior, mas, contra Aaron Donald e Suh, eu não apostaria. Vale mencionar que o discutido aqui sobre Mike Davis vale para qualquer RB do Seahawks.

Ousadia ou desespero

James Conner (PIT) – O confronto com o Falcons tem tudo para virar um tiroteio e o desempenho de Conner vem caindo. No entanto, o Falcons também tem dificuldades contra o jogo terrestre e existe a possibilidade interessante para recepções saindo do backfield; na falta de opções mais seguras, Conner pode ajudar.

Outras opções: Chris Thompson x Saints (A defesa contra a corrida do Saints tem se saído bem, mas Thompson é ótimo recebendo passes) e Alex Collins x Browns (O Browns tem cedido, em média, 110 jardas e  um TD por semana para RBs).

WRs

Explosão

Calvin Ridley (ATL) – O calouro, a cada jogo, parece estar mais a vontade com Matt Ryan e o esquema do Falcons. Demonstrando muita qualidade técnica, Ridley tem se aproveitado da maior atenção dada a Julio Jones. Contra o Steelers, a segunda equipe que mais cede pontos aos WRs no Fantasy, Ridley tem tudo para continuar em alto nível.

Amari Cooper (OAK) – Eu confesso que tenho muitas dificuldades em apostar no principal WR do Raiders. No entanto, na última semana, Cooper teve uma grande atuação e o Chargers tem cedido muitos pontos aos WRs adversários. Esta é a semana para Cooper se solidificar novamente no papel de alvo de confiança de Carr. Ps: Jordy Nelson também é uma boa aposta.

JuJu Smith-Schuster (PIT) – JuJu foi discreto na última semana, porém não é o momento de barrar o simpático WR. Diferente do encontro com a forte secundária do Ravens, desta vez JuJu terá pela frente a desfalcada defesa do Falcons que ainda precisará se preocupar com Antonio Brown.

Implosão

Devin Funchess (CAR) – Mesmo jogando em casa e vindo da semana de folga, eu não confio nos WRs do Panthers. Além disto, Funchess ainda não fez nada que nos motivasse a mudar de opinião. Para completar, a defesa do Giants só cedeu um TD para WRs em 4 jogos.

Tyreek Hill (KC) – Eu sei, é difícil barrar o Hill. Feita esta ponderação, vamos aos fatos: nas últimas duas semanas, Hill tem sido bem discreto e agora o encontro é com a defesa do Jaguars. Caso tenha opções mais “seguras”, eu recomendo optar por elas. De toda forma, entendo quem decide apostar em um cara que pode fazer 15 pontos em apenas uma jogada.

Pierre Garçon (SF) – O WR foi o alvo preferido do novo QB do 49ers, C.J Beathard, com 7 bolas lançadas em sua direção na última semana. Todavia, diferente da péssima defesa terrestre já mencionada, o Cardinals ainda não cedeu nenhum TD aéreo para WRs. Sendo assim, eu evitaria não só Garçon, mas também Goodwin e Taylor nesta semana.

Ousadia e desespero

Zay Jones (BUF) – Eu sei, até a ousadia tem limites. Mas, neste caso, eu acredito que não extrapolamos este limite. Zay foi o alvo mais procurado por Allen na última partida e, diferente de Kelvin Benjamin, ele consegue receber a maioria dos passes. Além disso, a defesa contra o passe do Titans em nada lembra a boa defesa contra a corrida da equipe. Em 4 jogos, o Titans cedeu 753 jardas para WRs; com “destaque” para o CB Malcolm Butler.

Outras opções: Paul Richardson x Saints (A secundária do Saints já cedeu quase mil jardas para WRs em 4 semanas. Ps: Jamison Crowder também pode ser uma boa aposta) e Julian Edelman x Colts (O Minitron é o melhor amigo de Brady, está descansado, e, jogando em casa, vale a aposta em um TNF).

TEs

Explosão

Ricky Seals-Jones (ARI) – Nesta temporada, encontrar TEs úteis no Fantasy está ainda mais difícil. Neste cenário de terra arrasada, o TE do Cardinals pode ser uma opção. O 49ers é a única equipe que já cedeu 4 TDs para jogadores da posição nesta temporada. Além disto, Josh Rosen parece gostar de Seals-Jones.

David Njoku (CLE) – O Ravens tem certas dificuldades para marcar TEs e, considerando que a secundária deve dominar os WRs do Browns, é possível que Njoku seja a válvula de escape para Mayfield.

Implosão

Eric Ebron (IND) – Os drops têm sido um problema e, contra o Patriots, a segunda equipe que menos cedeu pontos aos TEs adversários, eu evitaria Ebron se fosse possível.

Tyler Kroft (CIN) – A lesão de Eifert levou a uma busca por Kroft, que é um bom recebedor, nas ligas de Fantasy. No entanto, pela incerteza da utilização e a divisão de snaps com Uzomah, eu prefiro evitar o TE do Bengals contra o Dolphins, que ainda não cedeu nenhum TD para os jogadores da posição.

Ousadia ou desespero

Jordan Leggett (NYJ) – Como dito acima, a oferta de boas opções da posição é bem pequena. No mais, o Broncos é a terceira equipe que mais cedeu pontos aos TEs até aqui. Vale mencionar que Leggett teve 4 passes lançados em sua direção na última semana, conseguiu três recepções, e anotou um TD.

Outras opções: Jared Cook x Chargers (A produção de Cook tem sido muito boa para ser ignorada mesmo em um confronto não tão interessante) e Geoff Swaim x Texans (Dak procurou 5 vezes o TE na última semana e o Texans já cedeu 3 TDs para jogadores da posição).

Defesas

Explosão

Titans – Apesar dos problemas contra WRs, o Titans tem uma defesa talentosa e que terá um confronto, em tese, muito favorável. O ataque do Bills está longe de ser empolgante, a OL costuma permitir sacks, e turnovers são prováveis. Em resumo, a defesa do Titans, assim como a do Packers que estava na coluna da última semana, tem um teto alto nesta rodada.

Jets – A defesa da equipe de Nova Iorque tem sido uma das melhores na temporada do Fantasy. Na partida desta semana, o encontro com Case Keenum é promissor para o pass rush e a secundária do Jets. Esta é uma aposta com um piso, relativamente, seguro na semana 5.

Implosão

Colts – A defesa do Colts tem sido melhor do que muitos previam. Em termos de Fantasy, a unidade vem pontuando bem, e pode ser uma boa aposta em confrontos favoráveis. No entanto, o Patriots, em New England, está longe de ser um destes confrontos.

Vikings – Como mencionado no texto sobre Carson Wentz, a defesa do Vikings está passando por um momento difícil. Nesta semana, até mesmo por precaução, evite a talentosa unidade do Vikings.

Ousadia ou desespero

Chiefs – A defesa da equipe de Kansas City está longe de ser confiável nesta temporada. Entretanto, falando de Fantasy, existe um potencial interessante de pontuação, principalmente, com sacks. Nesta semana, a partida contra o Jaguars e Blake Bortles também pode proporcionar alguns importantes turnovers.

Outras opções: Broncos x Jets (As duas defesas deste confronto são realmente interessantes. Olhando pelo lado do Broncos, Sam Darnold tem potencial de gerar turnovers contra esta unidade) e Patriots x Colts (A defesa de New England melhorou muito na última semana e agora recebe um adversário em uma partida de TNF).

Estas foram as dicas de Fantasy da Semana 5! Sempre lembrando que aqui constam apenas sugestões baseados em estatísticas e em nossas análises. Em caso de divergência entre nossas dicas e suas opiniões pessoais, fique sempre com as suas convicções. Esta é a parte mais legal deste jogo!

Boa rodada a todos!


Acompanhe nosso conteúdo mais de perto e fique por dentro de tudo o que rola na NFL e NCAA: Siga nosso Twitter e curta nossa página no Facebook. Para ganhar DEZENAS de benefícios e se tornar um apoiador do site e do nosso trabalho, clique aqui.

Compartilhe

Leave A Reply