quarta-feira, 12 de dezembro de 2018

Compartilhe

A semana do Oakland Raiders está sendo cheia: no domingo, a surpreendente vitória sobre o Pittsburgh Steelers, na segunda-feira, a demissão do general manager Reggie McKenzie e, na terça-feira, a notícia de que a cidade de Oakland está processando a franquia e a NFL pela mudança para Las Vegas que está destinada a acontecer em 2020.

Durante anos, houve uma disputa entre a cidade de Oakland e o Raiders pela construção de um novo estádio ou, pelo menos, a reforma do Coliseu, que é dividido com o Athletics da MLB. Como nada nunca saiu do papel e as condições atuais do palco dos jogos da equipe são incompatíveis com os padrões da NFL, Mark Davis, dono da franquia, acertou a mudança para Las Vegas e ganhou o aval da liga. Só que o município segue bastante incomodado.

Leia Mais: Destaques e Decepções – o milagre de Miami

Leia Também: as maiores decepções da temporada 2018

O processo chama a NFL de “cartel” e pede restauração pelos prejuízos que serão causados com a perda do Raiders, especialmente com a súbita inexistente movimentação da economia local causada pela franquia, e diz que os habitantes que por tantos anos pagaram impostos para manter o Coliseu e os incentivos ao time serão prejudicados. Especialistas em direito disseram que as chances de vitória da cidade são irrisórias.

Porém, é possível que haja um outro efeito imediato: a saída ainda mais rápida do Raiders de Oakland. Mark Davis já havia dito que não jogaria na cidade em 2019 caso um processo acontecesse e pode vir a levar sua palavra adiante. Caso isso aconteça, três lugares são candidatos para ser a casa provisória da franquia enquanto o estádio de Las Vegas não fica pronto: Santa Clara, junto com o 49ers, San Diego, no abandonado pelo Chargers Qualcomm Stadium, e Reno, onde joga a Universidade de Nevada.

Acompanhe nosso conteúdo mais de perto e fique por dentro de tudo o que rola na NFL e NCAA: Siga nosso Twitter e curta nossa página no Facebook. Para ganhar DEZENAS de benefícios e se tornar um apoiador do site e do nosso trabalho, clique aqui.

Compartilhe

Comments are closed.