terça-feira, 7 de junho de 2016

Compartilhe

GettyImages-508430762.0
Ainda faltam três meses para setembro, mas o pontapé inicial para a próxima temporada está mais próximo do que parece. Em aproximadamente apenas um mês, os times darão início aos Training Camps e todos os olhos se voltarão à preparação das equipes. Entre os principais palpites para o próximo ano da liga está o clássico “quem será o MVP?”. Para ajudar conter a ansiedade pelo início temporada vamos dar uma olhada nos possíveis candidatos a jogador mais valioso da liga em 2016:

5º) J.J. Watt (Defensive End) – Houston Texans

jj watt

Watt é sem dúvida o melhor defensor da atualidade e caminha para ser um dos maiores de todos os tempos. Dono de ferocidade inigualável, o DE de 27 anos levou para casa o prêmio de jogador defensivo do ano em três dos últimos quatro anos e esteve na disputa do MVP em cada uma dessas temporadas. Apesar do estilo de jogo agressivo, Watt nunca ficou fora de um jogo em cinco anos de NFL, uma marca invejável, especialmente para sua posição. Desde a sua estreia em 2011 foram duas temporadas de 20,5 sacks e uma de 17,5. Devido ao fato da NFL olhar principalmente para o ataque – especialmente QBs – ao selecionar seus MVPs, Watt já começa o ano em desvantagem, mas se tiver a melhor temporada de sua carreira fica praticamente impossível não entregar o prêmio ao defensor do Texans.

4º) Antonio Brown (Wide Receiver) – Pittsburgh Steelers

antonio brown

1.834 jardas e 10 TDs. Essas foram as marcas da mais letal arma ofensiva da liga em 2015. Há alguns anos, Antonio Brown tem se consolidado como um dos principais recebedores da NFL e após três temporadas consecutivas com pelo menos 1.500 jardas, ele conquistou um lugar de destaque entre a mídia, torcedores e coordenadores defensivos adversários. Brown tem tudo para conseguir números monstruosos mais uma vez em 2016, especialmente se Big Ben se mantiver saudável. Com a suspensão de Martavis Bryant e a aposentadoria de Heath Miller, ele deve ser ainda mais acionado e não é difícil pensar que a marca de 2015 de 136 recepções (a segunda maior da história) seja bastante elevada, levando o WR a ter números astronômicos e o transformando a um dos principais “não QBs” na corrida pelo MVP.

3º) Tom Brady (Quarterback) – New England Patriots

tom brady

Com a aposentadoria de Peyton Manning, Tom Brady reina absoluto como o maior QB da história em atividade. Quatro vezes campeão da NFL e três vezes MVP do Super Bowl, uma das poucas derrotas indiscutíveis de seu currículo quando comparado com o ex-QB do Broncos e do Colts é a falta de MVPs da temporada regular. Obviamente, ser considerado o melhor jogador da liga por duas vezes não é pra qualquer um (apenas nove jogadores da história tem múltiplos prêmios de MVP), mas ele certamente quer mais um troféu pra sua coleção. Apesar da suspensão de quatro jogos e dos avançados 39 anos de idade quando a temporada começar, Brady vem de um ano incrível com 4.770 jardas aéreas, 36 TDs e apenas 7 INTs. Eventualmente o nível do jogo do veterano QB deve começar a diminuir, mas até que se prove o contrário ele continua sendo um dos principais candidatos a MVP da temporada.

2º) Aaron Rodgers (Quarterback) – Green Bay Packers

aaron rodgers

Aaron Rodgers tem sido um dos principais jogadores da liga e sua regularidade e habilidade incríveis já o levaram ao posto de MVP duas vezes. Apesar da temporada fraca para o seus padrões em 2015, com “apenas” 3.821 jardas, 31 TDs e 8 INTs, Rodgers entra em 2016, mais uma vez, como um dos candidatos ao posto de melhor jogador da temporada. O tempo voa e apesar de parece que foi ontem que o QB esquentava o banco de Brett Favre, o líder do ataque do Packers completará 33 anos nessa temporada, já se dirigindo ao estágio final de sua carreira. Começa a crescer a pressão em Green Bay para que Rodgers traga mais um anel para o Lambeau Field, já que seus desempenhos espetaculares se traduziram em apenas um título. Talvez essa motivação impulsione o QB para mais uma temporada histórica em 2016.

1º) Cam Newton (Quarterback) – Carolina Panthers

cam newton

O atual MVP entra em 2016 como o favorito a repetir o feito. Newton finalmente demostrou que consegue liderar uma equipe ao título e, apesar da derrota no Super Bowl 50, o Carolina Panthers continua em plenas condições de conquistar a NFC mais uma vez. Ele lançou para 3.837 jardas, 35 TDs e 10 INTs, além de ter corrido para outras 636 jardas e 10 TDs na temporada passada e, com o retorno da promessa Kelvin Benjamin, é possível que Cam Newton consiga marcas mais expressivas neste ano. Se uma boa performance refletir em outra grande campanha do Panthers, outros jogadores vão ter que fazer história para tirar o título de MVP de Cam Newton.

Compartilhe

Comments are closed.