terça-feira, 8 de janeiro de 2019

Compartilhe

Clemson e Alabama prometiam fazer um jogo muito equilibrado na final do College Football, mas não foi o que aconteceu: a equipe da Carolina do Sul não tomou conhecimento dos campeões de 2017 e venceu por 44 a 16. Essa foi a pior derrota que a Maré Escarlate sofreu desde que Nick Saban foi contratado como técnico em 2007.

Dentro de campo, destaque para o quarterback calouro de Clemson, Trevor Lawrence, que não tomou conhecimento da sempre fortíssima defesa de Alabama. Ele completou 20 de 32 passes tentados para 347 jardas e três touchdowns. A defesa também foi impecável, com grandes performances do defensive tackle Christian Wilkins e do cornerback Trayvon Mullens. Ao contrário de Lawrence, que só será elegível em 2021, eles devem estar no próximo draft da NFL.

Leia Mais: Esqueça a reconstrução. O Indianapolis Colts está pronto

Leia Também: Conceitos ofensivos do Madden: Smash

Esse é o segundo título nacional de Clemson nos últimos três anos – em 2017 (referente à temporada de 2016) também havia derrotado Alabama, daquela vez contando com DeShaun Watson como quarterback. O time de Nick Saban derrotou Georgia para ficar com o troféu da temporada passada. Para que o Tigers voltasse ao topo, foi fundamental o recrutamento e a rápida ascensão de Trevor Lawrence.

O troféu também representa a consagração de Dabo Swinney como técnico principal de Clemson. Ele pegou um programa que passava por dificuldades e conseguiu mudar claramente a cultura no local – a equipe não vencia a sua conferência desde 1991 e tinha apenas um título nacional, conquistado em 1981. Com Trevor Lawrence e outros excepcionais talentos, como o wide receiver Justyn Ross, outro calouro, as perspectivas para o futuro são excepcionais.

Acompanhe nosso conteúdo mais de perto e fique por dentro de tudo o que rola na NFL e NCAA: Siga nosso Twitter e curta nossa página no Facebook. Para ganhar DEZENAS de benefícios e se tornar um apoiador do site e do nosso trabalho, clique aqui.

Compartilhe

Comments are closed.