segunda-feira, 27 de agosto de 2018

Compartilhe

 

O modo Franchise do Madden é, provavelmente, o mais utilizado pelos jogadores ao redor do mundo. Nele temos a chance de nos colocar no papel de um jogador, treinador, ou um dono de uma franquia e levar o time para o caminho do sucesso: a busca pelo cobiçado troféu Vince Lombardi, dado ao campeão do Super Bowl.

Leia textos exclusivos a cada semana sobre todos os times da NFL

Nesse modo temos o calendário real da NFL, processo de análise de prospectos para o Draft, treinos semanais das equipes, renovações de contratos, trocas e contratações de jogadores, entre tantas outras coisas, que nos faz entrar virtualmente no mundo da NFL. O Franchise pode ser jogado tanto offline, como online com até 32 jogadores, o que torna a experiência ainda mais divertida.

Na versão 19 lançada este mês, a EA nos presenteou com uma série de melhorias, tornando o modo ainda mais parecido com a vida real. Essas melhorias vão desde a gestão do elenco, até o processo do Draft e abaixo mostro as principais novidades desse modo que deverá fazer a alegria dos jogadores de Madden durante um bom tempo.

Visual

A tela de apresentação dos menus está bem mais interessante este ano. Ao jogar como um treinador ou dono da franquia, poderemos ver o treinador em seu escritório e, caso a equipe tenha ganho o último Super Bowl, o troféu Vince Lombardi aparece na mesa. Se estivermos controlando um jogador específico, ele aparecerá no vestiário da equipe, enquanto se prepara para o próximo jogo.

Leia mais: Tom Brady merece um grupo de suporte melhor

Esquemas

Este ano a EA criou oito esquemas ofensivos e seis defensivos. São eles:

Ofensivos: Spread, West Coast Zone Run, West Coast Power Run, Vertical Zone Run, Vertical Power Run, Multiple Zone Run, Multiple Power Run e Run and Shoot.

Defensivos: Base 4-3, Multiple 4-3, Base 3-4, Multiple 4-3, Tampa 2 e 46.

Cada time possui um esquema, mas ele pode ser modificado para algum que você prefira. Só não esqueça de checar se o playbook possui jogadas que condizem com o esquema escolhido, ou se será necessário mudá-lo também. Na mesma tela é possível ver o quanto o elenco combina com o esquema escolhido. No Madden 19, ter jogadores que encaixem no esquema do time tem uma importância grande, pois farão com que os atletas evoluam mais rápido.

Características e evolução dos jogadores

É através do novo sistema de característica dos jogadores que saberemos se eles encaixam ou não no esquema do time. Na nova versão, a EA definiu algumas categorias por posição para encaixar os jogadores de diversos estilos. São elas:

QB: Strong Arm, Scrambler, West Coast, Field General

HB: Power Back, Elusive Back, Receiving Back

FB: Blocking, Utility

WR: Deep Threat, Possession, Red Zone Threat, Slot Receiver

TE: Vertical Threat, Possession, Blocking

OL: Agile, Power, Pass Protector

DL: Run Stopper, Speed Rusher, Power Rusher

MLB: Field General, Pass Coverage, Run Stopper

OLB: Pass Coverage, Run Stopper, Speed Rusher, Power Rusher

CB: Man-to-Man, Zone Coverage, Slot Corner

S: Zone Coverage, Run Support, Hybrid

K/P: Accurate, Power

Esta mudança impacta diretamente no sistema de evolução dos jogadores no Madden 19. Até então, todos os pontos ganhos pelos atletas durante os treinos e partidas – os populares XPs – eram usados para subir um determinado atributo. Agora os XPs acumulados servem para ganhar skill points. Esses sim serão usados para poder evoluir o atleta. Ao usar o skill point em uma das categorias acima, aumentará em um ponto o overall do jogador, assim como evoluir determinados atributos. Na imagem abaixo vemos um exemplo com o wide receiver Stefon Diggs:

Ao utilizar um skill point na categoria Deep Threat, além de aumentar seu overall de 92 para 93 (nesta categoria), o jogador recebeu um ponto nos atributos Agility, Jumping e Release e dois em Catch in Traffic e Deep Route. Esse novo sistema de evolução fará com que os atributos dos atletas aumente de maneira mais rápida, facilitando a vida de quem joga a Franchise, ainda mais agora que onze novos atributos foram criados para o Madden 19.

Leia mais: Cairo Santos não levou nem tirará torcedores do New York Jets

Velocidade de Evolução

No Madden 19 também teve uma mudança nos tipos de velocidade de evolução dos atletas. Até ano passado haviam quatro tipos: Slow, Normal, Quick e Superstar. Este ano continuam quatro, mas com uma pequena variação: Normal, Quick, Star e Superstar. Isso define a quantidade de XPs que cada jogador recebe durante os treinos e partidas e, consequentemente, sua velocidade para evoluir os atributos. Além disso, a EA avisou que existem poucos Superstars, tanto nos jogadores das franquias, quanto na classe do Draft, mas ao final de cada temporada, o desempenho dos atletas são avaliados de acordo com a média da liga, podendo se manter na sua categoria, subir ou descer. Um jogador Superstar, por exemplo, terá que ter seus números sempre entre os líderes para não cair para a categoria Star. Já um jogador Normal que fez uma grande temporada, deverá subir para a categoria Quick.

A categoria de evolução também afetará a queda dos atributos dos jogadores veteranos ao fim de cada temporada. Um Superstar terá quedas de atributos menos bruscas, tendo mais chances de prolongar sua carreira e marcar seu nome na Liga.

Classe do Draft

Uma das coisas que mais legais do modo Franchise que mais gostava e, ao mesmo tempo, mais me incomodava, era o processo de análise e escolha do Draft. É muito legal analisar todos os prospectos durante toda a temporada e ir traçando planos de como agir quando chegasse o dia do Draft, em contrapartida, o fato de ser jogadores fictícios desanimava um pouco. Esse problema acabou. A EA acrescentou a possibilidade de criarmos nossa própria classe do Draft, o que se faz possível colocar os prospectos reais, tornando essa experiência ainda mais divertida. Mas você deve estar pensando: “Não tenho tempo, nem tanto conhecimento para criar todos os jogadores que estarão no próximo Draft”. Isso não será problema, pois é possível baixar as criações de outros jogadores ao redor do mundo direto para sua Franchise. Ponto muito positivo para a EA aqui.

Além disso, a imagem na tela durante o Draft ficou bem mais interessante. Um telão mostra os jogadores selecionados e após realizarmos nossas escolhas, o jogador aparece vestindo o uniforme enquanto seus atributos são revelados.

Capturas de imagens

Durante os replays das jogadas e ao final, durante as imagens dos melhores momentos é possível capturar imagens dos jogos. Poderemos capturar aquela recepção cinematográfica, ou aquela interceptação com uma mão só e essas fotos podem ser colocadas em diversos lugares do Madden, inclusive na tela inicial.

Brasão dos capitães

Agora é possível selecionar os capitães do seu time (no máximo seis) e o brasão aparecerá no uniforme do jogador. Todos os capitães serão marcados com uma estrela no campo, podendo identificar com mais facilidade quais os principais jogadores do time.

Quais as modificações que mais agradaram vocês e o que ainda precisa ser melhorado pela EA? Deixem suas opiniões nos comentários.

* Nota: A Liga dos 32 e o All Madden Brasil lamentam o fato ocorrido no último domingo durante o campeonato de Madden em Jacksonville, nos Estados Unidos. É muito triste ver um evento que deveria ser para diversão, terminar em uma tragédia. Que Deus proteja aqueles que perderam a vida e conforte seus familiares, e que fatos assim não voltem a acontecer.

Compartilhe

Leave A Reply