quinta-feira, 12 de setembro de 2019

Compartilhe

Depois de uma rodada de abertura marcada por ótimas e surpreendentes atuações dos calouros Josh Jacobs e, principalmente, Marquise Brown, chegamos a semana 2 do Fantasy Football. Desta forma, continuamos hoje a nossa coluna de dicas para auxiliar os GMs de fantasia nas decisões mais difíceis. Em nosso querido jogo virtual, a imprevisibilidade é uma marca registrada e, sobretudo nas semanas iniciais, nas quais não temos muitas referências, as apostas ficam ainda mais complexas. Desta forma, as dicas desta semana se baseiam na percepção que tivemos das equipes após as mudanças que aconteceram durante a offseason, combinada com um pouco da sempre imprevisível e pouco confiável semana 1.

Em nossos textos, que você poderá conferir todas as quintas-feiras, não mencionaremos jogadores que, independentemente do confronto, sempre devem ser escalados. Dito isto, não estranhe a ausência de nomes como: Patrick MahomesSaquon Barkley, DeAndre Hopkins, Ezekiel Elliott, e Christian McCaffrey.

Para ficar mais dinâmico e divertido, separamos as sugestões em três categorias:

Explosão: Jogadores com potencial para pontuar muito bem na rodada por motivos como, por exemplo: sua utilização recente ou algum confronto favorável.

Implosão: o oposto da categoria acima. São jogadores que, em sua maioria, terão confrontos bem desfavoráveis.

Ousadia ou desespero: aqui estarão as sugestões de jogadores para quem gosta de arriscar, tem poucas opções em ligas maiores, ou está desesperado por conta de lesões e byes.

Leia Mais: Revista Guia da NFL 2019

Leia Também: Fantasy Football: é hora de negociar!

Sem mais delongas, vamos para as dicas de Fantasy para a Semana 2:

Equipes de Bye: nenhuma

QBs

Explosão

Lamar Jackson (BAL) – É certo que não veremos Lamar passar para 5 TDs em todos os jogos. No entanto, no confronto desta semana, a expectativa continua sendo bem positiva para o QB do Ravens. Na semana 1, o Cardinals cedeu muitos pontos para Matt Stafford e a tendência é que isto se repita.

Cam Newton (CAR) – A semana de estreia de Newton foi verdadeiramente decepcionante. Contudo, o confronto desta quinta-feira diante do Bucs, em Carolina, promete ser uma ótima oportunidade de redenção.

Bigben (PIT) – Como falávamos na última semana, a tendência era que o QB do Steelers não tivesse um bom jogo. Nesta semana, as perspectivas são bem mais promissoras diante de um Seahawks que fez, surpreendentemente, Andy Dalton reaparecer no cenário do Fantasy depois de muito tempo.

Implosão

Joe Flacco (DEN) – Eu imagino que, em ligas até 12 equipes, poucos considerem escalar Joe Flacco. No entanto, como existem ligas maiores e algumas que contam com dois QBs, fica aqui o alerta de que essa tende a ser a pior opção de toda a rodada. Um debilitado QB diante de uma defesa assustadora.

Andy Dalton (CIN) – Aqui vai uma sugestão baseada exclusivamente na precaução. Como mencionado acima, a partida de Dalton na semana 1 foi maravilhosa. Porém, como sabemos, o QB do Bengals está muito longe de ser confiável nas últimas temporadas. Desta forma, deixar o ruivo no banco nos parece bem prudente. Ps: A mesma sugestão, pelos mesmos motivos, se aplica a Marcus Mariota (TEN).

Kyler Murray (ARI) – O calouro começou a partida da última semana, como era esperado, tendo muitas dificuldades em sua estreia profissional. Com o passar do jogo, Murray se encontrou e ainda entregou uma partida bem digna, sobretudo em termos de Fantasy. No entanto, diante da boa defesa do Ravens, esta é uma escalação que carrega uma quantidade de ousadia desnecessária em ligas tradicionais.

Ousadia ou desespero

Ryan Fitzpatrick (MIA) – Provavelmente não existe um jogador que se enquadre tão bem na categoria Ousadia ou Desespero como Fitz (Magic ou Tragic?).  Pensando em uma situação limite, que é o necessário para se escalar Fitz, existe uma óbvia expectativa que o Patriots abra vantagem no placar e isto obrigará o QB do Dolphins a usar o seu braço… por sua conta e (muito) risco.

Outras opções: Dak Prescott x Redskins (Depois de uma partida muito sólida na semana 1, Dak tem mais um confronto interessante) e Derek Carr x Chiefs (outro jogo em que o QB, provavelmente, precisará usar o braço para correr atrás do placar – muito promissor).

RBs

Explosão

Sony Michel (NE) – Aqui temos uma aposta no combo talento/confronto favorável. A verdade é que Michel foi uma das maiores decepções da semana 1 e, inclusive, é tema de uma das nossas 3 perguntas sobre Fantasy ao final deste texto. Pensando na partida desta semana, fora a atuação contra o Steelers, tudo indica uma grande apresentação de Sony diante do Dolphins.

Derrick Henry (TEN) – Henry teve uma atuação impressionante na semana 1 e agora encara o Colts que permitiu uma atuação igualmente impressionante de Austin Ekeler na mesma semana 1. Impossível não apostar nesta combinação.

Josh Jacobs (OAK) – O calouro começou muito bem a sua carreira na NFL e, nesta semana, o confronto é com o Chiefs. Mesmo considerando o risco de um abandono de jogo corrido prematuro, a intensa participação de Jacobs no ataque da equipe de Jon Gruden justifica esta aposta.

Implosão

Philip Lindsay e Royce Freeman (DEN) – A dupla de corredores do Broncos que, provavelmente, ainda será muito útil no Fantasy, é uma escolha bem questionável na semana. A defesa do Bears continua em altíssimo nível e a tarde de ambos promete ficar bem desagradável diante de K. Mack e companhia.

Ronald Jones (TB) – Jones teve, finalmente, uma atuação minimamente digna no Bucs. Entretanto, contra o ótimo Front seven do Panthers, esta não parece ser a melhor hora para confiar em quem já vem decepcionando há algum tempo.

Aaron Jones (GB) – Aqui temos um combo desagradável. Jones não foi bem na semana 1 e o Vikings limitou bastante o jogo terrestre do Falcons. Neste cenário, em que ambos se encontram; eu prefiro evitar.

Ousadia e desespero

Adrian Peterson (WAS) – O veterano estava insatisfeito por ter ficado inativo na semana 1 e rumores já davam conta de uma suposta troca/dispensa. No entanto, Derrius Guice se machucou (mais uma vez) e agora AP será o RB1 do Redskins. É sempre complicado apostar em um RB veterano vindo de certa inatividade, porém estamos falando de Adrian Peterson.

Outras opções: Chris Carson x Steelers (Michel foi mal, mas Burkhead e White tiveram ótimas médias de jardas por tentativa contra o Steelers. No mais, Carson é muito melhor que Penny) e Darren Sproles x Falcons (nenhuma equipe cedeu mais recepções para RBs nas últimas 4 temporadas do que o Falcons. Além disto, por incrível que pareça, Sproles com 65 anos ainda é um dos RBs mais utilizados no Eagles. Ps: M. Sanders também é uma opção viável).

WRs

Explosão

Josh Gordon (NE) – O potencial de Josh é impressionante e, enquanto o WR estiver em campo, a sua escolha é uma ótima aposta. Unindo isto a um confronto diante do combalido Dolphins, temos uma escolha mais do que justificável. Ps: Julian Edelman continua sendo muito útil nesta semana mesmo que ocorra a estreia de Antonio Brown.

Tyrell Wiliams (OAK) –Em sua estreia como recebedor principal do Raiders, Williams não decepcionou. Mostrando a qualidade já conhecida de seus tempos de Chargers e ótima química com Carr, o WR se colocou como uma ótima escolha no Fantasy. O confronto desta semana tem tudo para ser bem favorável para suas habilidades.

Sammy Watkins (KC) – Saudável como está, Watkins já seria uma boa opção em quase todos as semanas no Fantasy. Junte isto a um QB como Mahomes, além da lesão de T. Hill e temos um monstrinho a solta.

Implosão

WRs do Cardinals – Independente do nome que se escolha na semana, o risco será muito grande diante do Ravens. Mesmo o veterano e ainda confiável Larry Fitzgerald pode ser evitado sem culpas nesta viagem até Baltimore.

Emmanuel Sanders (DEN) – Sanders confirmou na semana 1 o que já havia demonstrado na pré-temporada, está recuperado da séria lesão da última temporada. No entanto, diante do Bears e sua defesa, a melhor opção é o banco para o veterano.

John Ross (CIN) – Na mesma linha da sugestão feita sobre o seu QB Andy Dalton, mesmo após uma partida incrível é possível confiar em Ross? Na dúvida, prefiro deixar o papa-léguas no banco em observação.

Ousadia ou desespero

John Brown (BUF) –  Josh Allen tem muito potencial e uma “loucura” muito carismática. Dentro deste combo, o braço monstruoso do QB, que não tem nenhum medo de arriscar, costuma encontrar seus WRs mais velozes. Obviamente que isto não acontecerá em todas as partidas, mas Brown pode garantir uns 12 pontos em apenas uma jogada.

Outras opções: Cooper Kupp x Saints (outro que retornou de lesão muito bem. Bola de segurança de Goff e garantia de piso sólido) e Tyler Boyd x 49ers (Se Ross é arriscado demais, Boyd é uma opção bem mais segura que também garante um piso sólido com o alto volume de alvos).

TEs

Explosão

Darren Waller (OAK) –  Surpresa deste início de temporada, o TE que já está há alguns anos na NFL e  enfrentou alguns problemas extracampo, parece ter se encontrado no ataque comandadao por Derek Carr. Com muito volume nesta primeira partida, Waller é uma aposta interessante diante do Chiefs que costuma ter algmas dificuldades para conter TEs.

Mark Andrews (BAL) – O Cardinals cedeu um caminhão de jardas para o calouro Tj Hockenson na semana 1 e Andrews foi sensacional contra o Dolphins. Mesmo considerando que seja apenas a primeira partida e que, provavelmente, o Dolphins não seja parâmetro, esta escalação é mais do que recomendada.

Implosão

Eric Ebron (IND) – Ao que parece, os tempos de Ebron como destaque acabaram juntamente com a carreira de Andrew Luck. Mantendo a coerência de não descartar o jogador definitivamente após apenas uma semana, recomendamos o banco se esta for uma opção em sua liga.

Kyle Rudolph (MIN) –  O TE do Vikings  simplesmente desapareceu do plano de jogo aéreo do ataque do Vikings. Desta forma, enquanto o mesmo não for “encontrado”, esqueça este rapaz útil apenas no natal.

Ousadia ou desespero

Vernon Davis (WAS) – Na mesma linha de Darren Sproles, Davis parece manter a forma mesmo com o passar (de muito) do tempo. Com Jordan Reed mais uma vez baleado, Davis pode ser uma aposta interessante na rodada em uma posição sempre muito rasa. Fique atento apenas ao status de Reed.

Outras opções: OJ Howard x Panthers (a participação de Howard na semana 1 foi desastrosa. De toda forma, o Panthers permitiu bons pontos para TEs e é improvável que OJ consiga piorar) e Delanie Walker x Colts (O veterano foi muito bem na última partida e não existe nenhum indício que aponte para uma implosão diante do Colts).

Defesas

Explosão

Titans – Unidade bastante subestimada na NFL, a defesa do Titans deu mais uma mostra de suas qualidades na última semana. Jogando em casa diante do Colts de Jacoby Brissett, as expectativas são positivas.

Patriots – Nem precisamos explicar muito. O confronto diante do Dolphins tem tudo para ser muito promissor para as defesas no Fantasy em 2019.

Implosão

Raiders – Uma boa surpresa na semana 1, a defesa do Raiders teve bons momentos diante do Broncos. Entretanto, nesta semana, a partida é contra o Chiefs e nunca é recomendável apostar contra o ataque comandado por um mutante, futuro membro dos X-Men, chamado: Patrick Mahomes.

Jaguars – Ainda não se sabe o que ocorreu com aquela defesa absurda do Jaguars. Fato é que a unidade já não é mais a mesma há algum tempo. Sendo assim, e diante do bom ataque do Texans que conta com Watson e Hopkins, eu prefiro evitar esta aposta.

Ousadia ou desespero

Jets –  Talvez a maior decepção da semana 1 tenha sido o Browns. A dúvida que fica é: isto foi apenas um começo ruim ou o Browns continuará o seu calvário sem fim? Se a sua aposta é na segunda opção, aposte na defesa do Jets!

Outras opções: Panthers x Bucs (Winston ama turnovers e isto significa pontuação em Fantasy; ótima oportunidade) e Texans x Jaguars (Nick Foles está fora e JJ Watt não passará mais uma semana sem aparecer. Apenas essas duas informações já são mais do que suficientes para apostar em Houston).

Três perguntas sobre Fantasy – Semana 2:

  1. Sony Michel será mais um RB morto (em termos de Fantasy) na tradicional imprevisibilidade de utilização do Patriots?
  2. Os calouros Marquise Brown, AJ Brown e DK Metcalf continuarão sendo relevantes na temporada?
  3. Está na hora de trocar Todd Gurley?

Estas foram as dicas de Fantasy da Semana 2! Sempre lembrando que aqui constam apenas sugestões baseados em estatísticas e em nossas análises. Em caso de divergência entre nossas dicas e suas opiniões pessoais, fique sempre com as suas convicções. Esta é a parte mais legal deste jogo!


Acompanhe nosso conteúdo mais de perto e fique por dentro de tudo o que rola na NFL e NCAA: Siga nosso Twitter e curta nossa página no Facebook. Para ganhar DEZENAS de benefícios e se tornar um apoiador do site e do nosso trabalho, clique aqui.

Compartilhe

Comments are closed.