segunda-feira, 18 de novembro de 2019

Compartilhe

Após alcançar a 6ª vitória em 10 jogos disputados na atual temporada, o Oakland Raiders se estabeleceu de vez na briga por uma vaga nos playoffs em 2019. O time comandado pelo Técnico Jon Gruden é uma das boas surpresas da competição, mostrando um futebol americano competitivo e equilibrado semana após semana e superando a narrativa negativa que acompanhou a equipe durante todo o período de pré-temporada, marcado por polêmicas. Vivo dentro da conferência e também da AFC Oeste, o Raiders de 2019 vai dando uma resposta digna para a torcida de Oakland no último ano da franquia na Califórnia.

Após vencer apenas 4 partidas em 2018 durante a temporada de reestreia de Gruden como técnico principal da NFL, o Raiders entrou em seu último ano em Oakland com a missão de se recuperar imediatamente, dando a sua fanática torcida motivos para encher o estádio e se de despedir de forma justa. Em busca de uma referência para um elenco que carecia de nomes de impacto, o time apostou alto e deu ao polêmico WR Antônio Brown o seu 1º contrato longe de Pittsburgh, finalmente adquirindo uma estrela para chamar de sua. A experiência com o camisa 84 não durou até o início da temporada regular e deixou a torcida com medo do que poderia acontecer após mais uma decisão equivocada na “Era Gruden”, colocando a pressão no colo da diretoria e comissão técnica do Raiders.

Leia Mais: Defesa do Steelers tem que ser levada a sério

Leia Também: Decepção em 2018, o Vikings mostra que está pronto pra surpreender na NFC

Sem fazer muito barulho e com muito trabalho, Gruden e seus comandados começaram a temporada vencendo 3 dos primeiros 5 jogos, superando adversários supostamente superiores como Indianapolis Colts e Chicago Bears. Nas últimas cinco semanas, a equipe repetiu o mesmo desempenho do início da campanha e já não sabe o que é perder há 3 rodadas, empatando em número de vitórias com o favorito Kansas City Chiefs na AFC Oeste. Com uma tabela viável, o Raiders atuará fora de casa em quatro oportunidades nas últimas seis semanas da temporada regular e precisará melhorar o aproveitamento como visitante para continuar brigando alto dentro da conferência. As últimas atuações, porém, parecem dar a confiança necessária para a equipe cumprir o objetivo.

Entre os destaques da sólida campanha de Oakland em 2019 está o QB Derek Carr, que vem cuidando melhor da bola. O Camisa 4 soma 15 TDs e 5 interceptações após 10 partidas disputadas e completou 72,3% dos passes tentados, a segunda melhor marcada da NFL até o momento. A importante contribuição do jogo corrido e da linha ofensiva também são fatores fundamentais para o sucesso do Raiders, reconhecidamente um time mais equilibrado nessa temporada. Sob o comando do calouro Josh Jacobs, o jogo terrestre de Oakland é o 8º da liga em tentativas e o 9º em jardas totais, dando uma nova dimensão a um ataque que foi muito mal em 2018. No momento entre os 5 melhores corredores da NFL, o camisa 28 vem tirando proveito de uma linha ofensiva sólida e de um esquema que favorece o seu estilo de jogo.

Se o ataque vem sendo uma grata surpresa, a defesa ainda não corresponde à altura. 5ª pior da NFL em jardas terrestres cedidas e apenas a 17ª contra o passe, o setor ainda busca um equilíbrio maior para tornar a equipe ainda mais competitiva dentro dos playoffs, caso a classificação aconteça. Se coletivamente o jogo defensivo do Raiders ainda não encaixou, individualmente alguns nomes vem se destacando como surpresas positivas. A dupla Benson Mayowa e Maxx Crosby soma 13 sacks em 11 rodadas e vem fazendo a diferença em momentos cruciais das partidas. O calouro Clelin Ferrell, escolhido na 4ª posição geral, também vem mostrando flashes ao longo da temporada, anotando 3.5 sacks. O S Karl Joseph é outro destaque do setor, somando 37 tackles, 1 interceptação e 1 fumble recuperado.

JUVENTUDE PARA CONTINUAR BRILHANDO EM LAS VEGAS 

Com a realocação marcada para acontecer em 2020, o Raiders se mudará para Las Vegas com um elenco jovem e que pode continuar evoluindo dentro de um novo mercado, trazendo resultados imediatos. Os destaques ofensivos da equipe até o momento na atual temporada (RB Josh Jacobs, WR Hunter Renfrow e o TE Darren Waller) possuem 21, 24 e 27 anos respectivamente e ainda podem entregar muito mais caso sigam evoluindo dentro da NFL. Na defesa, os calouros Maxx Crosby (22), Clelin Ferrell (22) e Trayvon Mullen (22) já possuem papéis importantíssimos dentro da rotação e possivelmente farão parte da espinha dorsal do setor por muitos anos.

Depois de apostar em veteranos em sua temporada de retorno à Oakland, Jon Gruden construiu um elenco baseado na juventude e na versatilidade de seus atletas e conseguiu transformar uma equipe desacreditada em um bom time de futebol americano. Nem mesmo o drama vivido com o WR Antonio Brown durante a pré-temporada conseguiu atrapalhar o trabalho feito pelo treinador, que conta com o total apoio da torcida, ainda chateada pela eventual realocação. Em sua última temporada em Oakland, o Raiders vem sendo mais que um mero coadjuvante dentro da NFL. A torcida realmente merecia um último capítulo feliz.


Acompanhe nosso conteúdo mais de perto e fique por dentro de tudo o que rola na NFL e NCAA: Siga nosso Twitter e curta nossa página no Facebook. Para ganhar DEZENAS de benefícios e se tornar um apoiador do site e do nosso trabalho, clique aqui.

Compartilhe

Comments are closed.