sexta-feira, 22 de novembro de 2019

Compartilhe

A semana 12 da temporada terá alguns confrontos que vão pegar fogo e serão importantes para o restante da temporada, em questão de classificação. A rodada tem algumas equipes interessantes de folga, como Kansas City Chiefs e Minnesota Vikings, sendo necessário que seja uma semana de recuperação, descanso e que os times voltem com tudo na semana 13, para brigarem por uma vaga nos playoffs e uma boa classificação geral na conferência. Confira algumas curiosidades:

  • A semana 12 começa com apenas um time sem vitórias: o Cincinnati Bengals (0-10)
  •  Após a lesão de Tua Tagovailoa, a estrela de LSU Joe Burrow, vem sendo a mais cotada para ser escolhida por times que brigam pela primeira escolha geral do draft de 2020. Dolphins, Bengals, Bears, Buccaneers e Broncos são times de olho em QB no próximo draft.
  •  O Atlanta Falcons, time com apenas uma vitória até a semana 9, venceu o Carolina Panthers, com a defesa cedendo apenas 3 pontos. Após 2 vitórias consecutivas, Atlanta perde força na briga por uma escolha top 3 do próximo draft.
  • Após episódio de agressão com o capacete sobre o QB Mason Rudolph, o DE Myles Garrett, estrela da linha defensiva do Cleveland Browns está suspenso, pelo menos, pelo restante da temporada.
  • Outro envolvido na confusão, o C Maurkice Pouncey, foi suspenso por 3 jogos e teve a punição reduzida para 2 jogos.
  • O New England Patriots vai terminar a 19° temporada seguida Com mais vitórias que derrotas.
  • O Houston Texans nunca havia perdido um jogo por mais de 8 pontos com Deshaun Watson como titular até o último domingo.
  • O QB Sam Darnold não viu fantasmas em Washington e lançou para 4 TDs na semana 11, melhor marca da sua carreira.

A Semana 12 da NFL começou ontem com a partida entre Indianapolis Colts e Houston Texans! Confira nosso Guia e não perca nada!

Green Bay Packers (8-2) @ San Francisco 49ers (9-1) – Domingo, 24/11, 22h20 (Horário de Brasília) – Transmissão: ESPN 

 

 

 

 

 

O principal confronto da semana será o duelo entre duas forças da conferência nacional, que vem na briga pelo título de suas divisões e lutam pela semana de descanso antes do início da pós-temporada.

O time de San Francisco, número 1 da conferência no momento, tem um jogo corrido excepcional e muito bem chamado pelo técnico Kyle Shanahan, começa o desafio de enfrentar de enfrentar times com mais de 80% de aproveitamento nas próximas semanas. A primeira empreitada é em casa contra o número 2 da conferência, o Green Bay Packers, que deve tentar tirar o jogo corrido do time da Califórnia e desafiar Jimmy Garoppolo a lançar contra a forte secundária e sofrer pressão dos “Smith brothers”.

Na defesa, o time de San Francisco sofreu um pouco contra Kyler Murray e o sistema Air Raid de Kliff Kingsbury. Neste confronto, o desafio é contra um ataque menos moderno, mas que conta com Aaron Jones em grande fase e Aaron Rodgers, que dispensa apresentações. A boa defesa terrestre de San Francisco tem que parar Jones e o pass rush precisa incomodar Rodgers, para que ele não tenha tempo de castigar a secundária, como normalmente o QB do time do Wisconsin faz.

No lado de Green Bay, a defesa que tem o segundo nível como a principal deficiência, enfrentará (se saudável) o melhor TE da liga. George Kittle vem de lesão e será fundamental para o ataque de Shanahan. Com Kittle, as coberturas no meio do campo serão grande problema para o time de Green Bay. Sem Kittle, o trabalho da defesa será muito facilitado. Com o box lotado para conter o jogo terrestre, provavelmente os jogadores de secundária terão de jogar no mano a mano muitas vezes e não ceder jogadas, principalmente no meio do campo é determinante para o plano de jogo funcionar.

No ataque, a dupla de Aarons é um monstro de duas cabeças. Se a linha ofensiva não for desafiada pelo time da Califórnia, Rodgers e Jones vão dominar e controlar o relógio, marcando muitos pontos. Nick Vida, Dee Ford, DeForest Buckner e Arik Armstead serão mais importantes que nunca para invadir o backfield e gerar jogadas negativas para o ataque do Packers.

Principais jogadores:

San Francisco 49ers:

QB Jimmy Garoppolo completou 34 passes de 45 tentados para 424 jardas com 4 TDs e 2 interceptações na última semana. RB Tevin Coleman teve 14 jardas terrestres no último jogo. WR Deebo Samuel teve 8 recepções para 134 jardas contra o Cardinals. EDGE Dee Ford teve 2 tackles, 1 sack e 2 tackles para perda de jardas na última semana. LB Fred Warner teve 9 tackles e 1 tackle para perda de jardas no último jogo.

Green Bay Packers:

QB Aaron Rodgers passou para 233 jardas na semana 10. RB Aaron Jones correu para 93 jardas e 3 TDs no último jogo. WR Davante Adams teve 7 recepções para 118 jardas contra o Panthers.  CB  Kevin King teve 9 tackles, 1 tackle para perda de jardas e 3 passes desviados na semana 10. EDGE Preston Smith teve 5 tackles, 2 sacks e 2 tackles para perda de jardas no último jogo.

Leia Mais: 5 equipes podem estar de olho em QB no próximo Draft

Leia Mais: Dicas de Fantasy Football – Semana 12

Dallas Cowboys (6-4) @ New England Patriots (9-1) – Domingo, 24/11, 18h25 (Horário de Brasília) – Transmissão: ESPN

 

 

 

 

 

 

Jogo entre duas das mais populares e valiosas franquias dos últimos tempos, New England Patriots e Dallas Cowboys duelam por maior tranquilidade nas posições atuais, New England para manter vantagem na posição número 1 da conferência americana e Dallas para abrir diferença na liderança da divisão leste da conferência nacional.

A chave do o jogo para Dallas é estabelecer o jogo terrestre. Com uma linha ofensiva inconstante no ano, mas com bastante talento, é possível imaginar que Ezekiel Elliott explore a fraqueza da forte defesa de New England. Bater as marcações homem a homem também será necessário, caso o time da NFC Leste queira vencer a secundária dos atuais campeões passando a bola com Dak Prescott, que vem fazendo ótima temporada.

Na defesa, o time de Dallas que vem sofrendo em alguns momentos, vai enfrentar uma unidade que vive momento semelhante. Tom Brady vem jogando abaixo do que costumamos ver e parte da culpa é da linha ofensiva que não vem jogando bem. Com exceção de Joe Thuney, a linha ofensiva não consegue proteger Brady da pressão e muito menos abrir espaço para o jogo corrido. A defesa de Dallas deve se aproveitar caso o left tackle seja Marshall Newhouse e abusar da pressão com Demarcus Lawrence, Robert Quinn e o ex-Patriot Michael Bennett.

Pelo lado de New England, o ataque vem jogando mal e tudo passa pela linha ofensiva. As volta de Isiah Wynn pode melhorar um pouco a situação, tanto do jogo aéreo, quanto do ataque terrestre. Mohammed Sanu e N’Keal Harry entrando em sintonia com Tom Brady também seria um grande salto para a produção do ataque.

Na defesa, o miolo da linha vem sofrendo para invadir o backfield adversário e conter a corrida. A defesa terrestre melhorou contra o Philadelphia Eagles e deve jogar o jogo da vida em casa para limitar Zeke e a forte linha ofensiva de Dallas.

Principais jogadores:

Dallas Cowboys:

QB Dak Prescott completou 29 passes de 46 tentados para 444 jardas com 3 TD na última partida. RB Ezekiel Elliott teve 45 jardas terrestres e 1 TD no último jogo. WR Michael Gallup teve 9 recepções para 148 jardas contra o Lions. DE Robert Quinn teve 3 tackles, 1 sack e 2 tackle para perda de jardas no último jogo. DE Michael Bennett teve 2 tackles e 1 tackle para perda de jardas e 2 sacks na semana 11.

New England Patriots:

QB Tom Brady teve 216 jardas no último jogo. RB Sony Michel teve 33 jardas contra o Eagles. WR Julian Edelman teve 53 jardas recebidas e 1 TD de passe e na semana 11. LB Kyle Van Noy teve 5 tackles, 1 sack e 1 tackle para perda de jardas no último jogo. DL Danny Shelton teve 6 tackles, 1 sack e 1 fumble forçado contra o Eagles.

Seattle Seahawks (8-2) @ Philadelphia Eagles (5-5) – Segunda, 24/11, 15h (Horário de Brasília) – Transmissão: ESPN

 

 

 

 

 

 

Duelo de dois times distintos nessa temporada. Seattle vem com um dos maiores candidatos a MVP da temporada jogando muito bem e brigando jogo a jogo pela divisão e pela folga na primeira rodada da pós-temporada, enquanto o Philadelphia Eagles vem oscilando muito, com algumas peças decepcionando e só está na briga pela divisão ainda porque Dallas vem com uma temporada oscilante também.

O time da Philadelphia precisa limitar o jogo terrestre do Seahawks para poder gerar pressão em Russell Wilson em situações claras de passe. Sem sofrer pressão, Wilson vai pulverizar a secundária de Phily e as chances do Eagles de brigar pela divisão.

No ataque, as ausências de recebedores vêm matando as campanhas que Carson Wentz e o jogo terrestre constroem. Wentz também vem oscilando, mas muitas vezes consegue fazer bons passes que acabam com drops dos recebedores

Para o time de Seattle, atrair a forte defesa terrestre de Philadelphia para o box fará com que Wilson jogue contra duelos favoráveis, como Tyler Lockett no meio do campo e DK Metcalf em profundidade, ambos no mano a mano. Na defesa, chegar até o QB é o que o Seahawks deseja para fazer com que o ataque do Eagles não entre no ritmo e Wentz não tenha tempo de lancar. Caso Alshon Jeffrey ou DeSean Jackson voltem, a secundária de Seattle deve sofrer se não pressionar Wentz.

Principais jogadores:

Seattle Seahawks:

QB Russell Wilson passou para 232 jardas e 1 TD e 1 interceptação na semana 10. RB Chris Carson correu para 89 jardas e 1 TD no último jogo. WR DK Metcalf teve 6 recepções para 70 jardas contra o 49ers.  DL  Al Woods teve 4 tackles, 1 sack e 2 tackles para perda de jardas na semana 10. S Quandre Diggs teve 1 tackle, 1 interceptação e 1 passe desviado no último jogo.

Philadelphia Eagles:

QB Carson Wentz completou 20 passes de 40 tentados para 216 jardas com 1 TD na última partida. RB Miles Sanders teve 38 jardas terrestres no último jogo. TE Zach Ertz teve 9 recepções para 94 jardas contra o Patriots. LB Nathan Gerry teve 7 tackles, 1 sack e 1 tackle para perda de jardas no último jogo. LB Kamu Grugier-Hill teve 5 tackles e 3 tackles para perda de jardas na semana 11.

 

Detroit Lions (3-6-1) @ Washington Redskins (1-9) – Domingo, 24/11, 15h (Horário de Brasília) –  Transmissão: NFL Game Pass

 

 

 

 

 

 

Pela segunda semana consecutiva, teremos Redskins no lugar do Dolphins nesta parte do Guia da Rodada. O time de Miami continua ruim, mas o time de Washington parece ter desistido da temporada, e aparece aqui mais uma vez, por jogar com outro time que não aspira muita coisa, o Detroit Lions sem Matthew Stafford.

O time da capital americana finalmente viu que não chegará a lugar nenhum e colocou Dwayne Haskins como titular para ganhar experiência. Com as dores de crescimento de Haskins, podemos esperar várias e várias lambanças nos snaps ofensivos desse jogo, já que a defesa do time de Detroit tem alguns bons jogadores.

A defesa do Lions vinha bem no início da temporada, mas caiu de produção e já deve pensar em 2020. Pressionar a linha ofensiva de Washington não é lá muito difícil, ainda mais com um quarterback calouro e tão cru quanto Haskins e com uma linha que parece não ligar para seu QB.

No ataque, Detroit tem ótimas peças como Kenny Golladay e Marvin Jones, mas Jeff Driskel é o titular neste período de lesão de Stafford, o que deve comprometer bastante o trabalho ofensivo

Para Washington, a reconstrução total deve ser pensada e alguns valores jovens poderão fazer parte do futuro, como Derrius Guice, Haskins, Da’ron Payne e Jonathan Allen e o WR Terry McLaurin. Além de evoluir estes jogadores, avaliar jogadores de contrato baixo para as próximas temporadas são missões para os jogos deste restante de 2019.

Principais jogadores:

Detroit Lions:

QB Jeff Driskel passou para 209 jardas, 2 TDs no último jogo em que jogou. RB Bo Scarborough liderou o time e correu para 55 jardas e 1 TD na semana 11. WR Marvin Jones teve 4 recepções para 43 jardas e 2 TDs no último jogo. CB Darius Slay  teve 3 tackles e 3 passes desviados na partida passada. LB Jarrad Davis teve 4 tackles e 1 fumble forçado contra o Cowboys.

Washington Redskins:

QB Dwayne Haskins passou para 214 jardas, 2 TDs e 1 interceptação na semana 11. RB Adrian Peterson teve 25 jardas terrestres no último jogo da equipe. WR Terry McLaurin teve 69 jardas recebidas no último jogo. EDGE Ryan Kerrigan teve 4 tackles, 2 sacks, 1 tackle para perda de jardas e 1 fumble forçado no duelo contra o Jets. LB Jon Bostic teve 4 tackles, 1 interceptação na última partida.

 

 

  • Dwayne Haskins, Jeff Driskel Brandon Allen e Ryan Finley continuam como titulares em seus times.
  • A defesa do New England Patriots lidera a liga com 19 interceptações feitas. Jameis Winston lidera a liga com 18 interceptações sofridas.
  • O S Jamal Adams é o primeiro jogador de secundária desde 1982 a ter 5 sacks em 2 jogos.
  • O ataque do New York Jets anotou 98 pontos nos últimos dois jogos somados.
  • O San Francisco 49ers vai ser o primeiro time da era do Super Bowl a ter uma sequência de 3 jogos consecutivos contra times de 80% de aproveitamento na temporada (Packers, Ravens, Saints)
  • O QB Dwayne Haskins finalmente terminou uma sequência do Washington Redskins de 16 quartos sem anotar TD.

Acompanhe  nosso conteúdo mais de perto e fique por dentro de tudo o que rola na NFL e NCAA: Siga nosso Twitter e curta nossa página no Facebook. Para ganhar DEZENAS de benefícios e se tornar um apoiador do site e do nosso trabalho, clique aqui.

Compartilhe

Comments are closed.