sexta-feira, 13 de setembro de 2019

Compartilhe

Após a semana 1, teremos vários jogos de afirmação para franquias que venceram e de recuperação para franquias que foram derrotadas na última rodada. Confira algumas curiosidades:

  • O QB Lamar Jackson, do Baltimore Ravens, lançou 4 TDs antes do intervalo, o que não acontecia desde 2014, em um Bears e Packers, com Aaron Rodgers.
  • Com as 6 recepções contra o Pittsburgh Steelers, Julian Edelman ultrapassou as 500 recepções na carreira e se juntou a nomes como Rob Gronkowski, Stanley Morgan, Wes Welker e Troy Brown com mais de 500 recepções no Patriots.
  • Com a vitória contra o Jaguars, por 40 a 26, o Kansas City Chiefs alcançou 22 jogos seguidos marcando mais de 25 pontos
  • Os 59 pontos do Baltimore Ravens contra o Miami Dolphins são um recorde da franquia.
  • Com a aparição como titular no jogo contra o Ravens, Ryan Fitzpatrick se tornou o primeiro da posição de QB a ser titular em 8 times diferentes.
  • Com a vitória do Seattle Seahawks sobre o Cincinnati Bengals, Pete Carroll agora possui pelo menos uma vitória sobre cada franquia ativa da liga
  • Um dos melhores punters da NFL, Johnny Hekker, do Los Angeles Rams, teve seu primeiro punt bloqueado neste domingo, contra o Carolina Panthers.

A Semana 2 da NFL começou ontem com a partida entre Tampa Bay Buccaneers e Carolina Panthers. Confira nosso Guia e não perca nada!

New Orleans Saints (1-0) @ Los Angeles Rams (1-0) – Domingo, 15/09, 17:25 (Horário de Brasília) – Transmissão: ESPN

Reedição da final da NFC do ano passado, Saints e Rams se enfrentam em um jogo de altíssimo nível técnico, além de um apelo emocional muito grande. Após a falta não marcada a favor do Saints no final do jogo que levou o Rams ao Super Bowl, a NFL e os árbitros entram pressionados e muito visados nos jogos do time de New Orleans.

Em relação ao jogo dentro de campo, teremos dois times muito parecidos com os que jogaram na final de conferência do ano passado. Na semana 1, os dois times sofreram com um pouco de inconsistência das defesas em alguns momentos, e o Saints sofreu para engrenar seu ataque contra o Houston Texans. Quando engrenou, foi muito bem, mas é um ponto a ser observado. Na defesa, o Saints manda constantes blitz que podem ser usados por Sean McVay para conectar passes com seu corpo de recebdores ágil e ganhar jardas após a recepção.

Na defesa do Rams, pressionar Drew Brees é essencial para poder ganhar o duelo. Extremamente preciso, Brees queimou a defesa do Texans principalmente em pacotes defensivos em que 7 ou 8 jogadores recuavam para cobrir o passe. Com tempo, Brees feriu uma secundária frágil e achou muito bem seus recebdores, especialmente no segundo tempo.

Principais jogadores:

New Orleans Saints:

QB Drew Brees é o recordista em jardas aéreas da história da liga e concorre para o prêmio de MVP da temporada esse ano. WR Michael Thomas é o alvo preferido de Brees e um dos melhores recebdores da liga desde que foi draftado. TE Jared Cook é um desafogo para o ataque pelo meio do campo. DE Cameron Jordan é o melhor pass rusher do time e um dos mais subestimados da liga. CB Marshon Lattimore é um legítimo cornerback número 1 e já é um dos melhores da liga.

Los Angeles Rams:

QB Jared Goff teve menos de 200 jardas e 1 interceptação na semana 1, alerta ligado para ele que jogará contra uma secundária que rouba muitas bolas . RB Todd Gurley teve quase 100 jardas terrestres na semana 1, mas continua com um volume reduzido. WR Robert Woods teve 8 recepções para 70 jardas na última semana, deve ser o alvo principal do ataque. LB Corey Littleton teve 8 tackles e 1 interceptação na semana passada. DL Aaron Donald teve atuação discreta na semana 1, mas continua sendo o melhor jogador defensivo da liga.

Leia Mais: Dicas de Fantasy Football – Semana 2

Leia Também: Eli Manning não é o problema do Giants, mas é o freio de mão

Indianapolis Colts (0-1) @ Tennessee Titans (1-0) – Domingo, 15/09, 14h (Horário de Brasília) – Sem transmissão

O confronto de dois times que estão batalhando na divisão, sendo um jogo de afirmação para o Titans, após bela vitória contra o Browns. O Indianapolis Colts tentará se recuperar de uma derrota para o Chargers, jogo em que o time foi derrotado, mas que mostrou existir vida após Andrew Luck. O ataque da equipe teve uma boa atuação, especialmente no segundo tempo contra o Chargers e a linha ofensiva é um dos melhores pontos do time de Indiana. A defesa tende a evoluir e ser mais eficiente, tanto sackando o quarterback quanto defendendo o passe. Ponto que pode ser chave contra Marcus Mariota.

O Tennessee Titans fez um ótimo jogo contra o Cleveland Browns. Marcus Mariota sofreu um pouco com a falta de precisão habitual, mas lançou para 3 touchdowns e zero interceptações. O plano de jogo foi muito bem executado, de ambos os lados da bola. No ataque, Arthur Smith, novo coordenador ofensivo, envolveu muito bem as armas do ataque no plano de jogo e chamou muito bem as jogadas. Derrick Henry brilhou com mais de 150 jardas de scrimmage e 2 touchdowns (um recebido e um correndo com a bola) e o calouro A.J. Brown que bateu as 100 jardas recebidas em sua estreia na NFL. Na defesa, pressão em Baker Mayfield e uma secundária de ELITE, limitaram o ataque badalado de Cleveland. 4 sacks, 3 interceptações e 6 passes desviados pela defesa.

Principais jogadores:

Indianapolis Colts:

QB Jacoby Brissett completou 21 de 27 passes para 190 jardas com 2 TDs e zero interceptação na última semana. RB Marlon Mack teve 174 jardas terrestres na semana passada. WR T.Y. Hilton teve 87 jardas e 2 TDs na semana passada. DE Justin Houston teve sack na última semana. S Malik Hooker teve linda interceptação na semana passada.

Tennessee Titans:

QB Marcus Mariota teve 3 TDs na semana 1. RB Derrick Henry teve 150+ jardas de scrimmage no último jogo. WR A.J. Brown teve 100 jardas de recepção em 3 recepções na semana 1. S Kevin Byard teve 2 tackles e 1 interceptação na semana passada. DE Cameron Wake teve 2 tackles para perda de jardas e 2.5 sacks na última semana.

Minnesota Vikings (1-0) @ Green Bay Packers (1-0) – Domingo, 15/09, 14h (Horário de Brasília) – Transmissão: ESPN

Grande duelo de divisão que pode ser o fiel da balança no final da temporada, para determinar o campeão da divisão norte da NFC. Os dois times vem de vitória na semana 1, porém com roteiros bastante opostos.

O Packers venceu o Bears na abertura da temporada de 100 anos da liga em um jogo muito parado e com as defesas dominando os ataques na maioria das jogadas. O ataque do Green Bay Packers produziu 203 jardas aéreas e 47 terrestres, com Rodgers sofrendo pressão da forte linha defensiva de Chicago e errando passes que não costuma errar. Vai enfrentar outra defesa agressiva e com uma secundária melhor que a de Chicago e deve enfrentar problemas se a linha ofensiva não fizer um bom trabalho. Na defesa, o time do Wisconsin foi bem em situações críticas e parou o jogo terrestre de Chicago, o que terá que acontecer contra o Vikings essa semana, caso o Packers queira ter boas chances.

O Minnesota Vikings amassou o time do Atlanta Falcons na semana 1. Interceptou Matt Ryan 2 vezes, teve 4 sacks e 8 passes desviados. Ainda limitou o jogo terrestre de Atlanta a 73 jardas. No ataque, Kirk Cousins passou a bola apenas 10 vezes e sofreu apenas um sack. Em compensação, Dalvin Cook passou das 100 jardas e jogou no nível que esperávamos dele quando foi draftado. Tudo isso foi viabilizado pela melhora substancial da linha ofensiva do time. Um grande trabalho nas trincheiras pode levar o ataque a ganhar mais jogos, como em Green Bay neste domingo.

A defesa forçou turnovers, teve 7 tackles para perda de jardas e jogou agressivamente contra Matt Ryan. Se jogar assim contra o Green Bay Packers, provavelmente Aaron Rodgers e o novo técnico Matt LeFleur terão problemas.

Principais jogadores:

Green Bay Packers:

QB Aaron Rodgers passou para 203 jardas com 1 TD na semana passada. WR Marquez Valdes-Scantling teve 52 jardas recebidas na última semana. TE Jimmy Graham teve TD de recepção na semana passada. EDGE Preston Smith teve 1 tackles para perdas de jardas, 1  passe desviado e 1.5 sack na última semana. S Adrian Amos teve 1 passe desviado, 1 interceptação  e 2 tackles no último jogo.

Minnesota Vikings:

QB Kirk Cousins passou para 98 jardas com 1 TD e nenhuma interceptação na semana passada. RB Dalvin Cook correu para 111 jardas e 2 TDs na semana 1. WR Adam Thielen liderou a equipe com 43 jardas de recepção na semana 1. S Harrison Smith teve 8 tackles na semana passada. DB Anthony Harris teve 2 interceptações no último jogo.

 

Seattle Seahawks (1-0) @  Pittsburgh Steelers (0-1) – Domingo, 15/09, 14h (Horário de Brasília) – Transmissão: ESPN Extra

Partidas de duas franquias que estão acostumadas a vencer nos últimos anos, mas que estão em momento de reformulação. Seattle perdeu toda Legion of Boom e reconstruiu o time com ótimo trabalho de John Schneider e Pete Carroll, mas ainda tem inconsistências no elenco que não os colocam entre os melhores times da liga. Já o Pittsburgh Steelers viveu um período de várias polêmicas com seus jogadores de ataque, que formavam uma das unidades mais completas em termos de talento da liga. Primeiro a suspensão de Martavis Bryant, depois veio a greve de Le’Veon Bell e por fim, o surto de Antonio Brown. O trabalho do técnico e da diretoria foi refletido na semana 1 dos dois times. Seattle sofreu mas se recuperou e venceu o surpreendente Cincinnati Bengals enquanto o Pittsburgh Steelers foi amassado pelo New England Patriots em Foxborough.

O time de Seattle tem um ataque minimamente arrumado, com Chris Carson correndo bem e alguns bons alvos para Russell Wilson. As vezes com a pressão, um ponto que deve ser observado no confronto contra o time que mais teve sacks em 2018, Pittsburgh. Já a defesa sofreu, principalmente na secundária e cedeu mais de 400 jardas aéreas para Andy Dalton na semana 1. O time de Pittsburgh tem vários alvos que podem ferir a defesa de Seattle em profundidade.

O time de Pittsburgh praticamente não viajou para New England. O ataque fez apenas 3 pontos e sofreu com a secundária e as chamadas defensivas do Patriots, o que não deve acontecer contra Seattle e pode ser aproveitado por Big Ben. A linha ofensiva de Pittsburgh é uma das melhores da liga e terá trabalho com a linha defensiva de Seattle, que é ótima. Já na defesa, o pass rush do time de Pittsburgh praticamente não incomodou Tom Brady e expôs as fragilidades da secundária. Com Tyler Lockett e DK Metcalf, com certeza esse ponto será explorado pelo ataque de Seattle.

Principais jogadores:

Pittsburgh Steelers:

QB Ben Roethlisberger completou 27 de 47 passes para 276 jardas com zero TDs e 1 interceptação na semana passada. RB James Conner correu para apenas 21 jardas na semana passada. WR Juju Smith-Schuster teve 6 recepções para 78 jardas na semana 1. LB Devin Bush teve 7 tackles na semana passada. LB Bud Dupree teve 2 tackles para perda de jardas e um sack na semana 1.

Seattle Seahawks:

QB Russell Wilson passou para 195 jardas e 2 TDs no último jogo. RB Chris Carson teve 80 jardas de scrimmage na semana 1. WR DK Metcalf teve 4 recepções para 89 jardas na semana 1. DL Quinton Jefferson teve 2 sacks e 2 tackles para perda de jardas na semana 1. DE Jadeveon Clowney teve 1 sack no  último jogo.

 

New England Patriots (1-0) @ Miami Dolphins (0-1) – Domingo, 15/09, 14h (Horário de Brasília) – Sem transmissão

 

Confronto dos opostos em Miami neste domingo. Enquanto New England terá a estreia de Antonio Brown, formando um ataque que pode ser um dos melhores da história se todo mundo jogar o que pode, Miami vive um “tank” explícito, com jogadores pedindo para seus agentes buscarem trocas e apostando no draft e na free agency de 2020 como chave para a reconstrução de uma terra arrasada.

Miami perdeu para o Ravens, time de defesa forte mas com um ataque que deixa dúvidas desde o ano passado, por 49 pontos de diferença. Cedeu para um quarterback que é conhecido desde o futebol americano universitário por seu atleticismo e deficiência em passes mais de 300 jardas e 4TDs só no primeiro tempo. A tendência é piorar, pois enfrenta domingo o melhor quarterback da história, lotado de armas e com uma mente ofensiva brilhante chamando as jogadas. O ataque com Ryan Fitzpatrick jogando contra a forte de defesa de Baltimore não tinha expectativa de jogar muito além do que jogou mesmo e o show de horrores deve continuar contra a defesa de Bill Belichick.

Do lado de New England, Antonio Brown estreia e existem pessoas falando em recorde de pontuação na era moderna do Super Bowl. Não acho pra tanto. New England costuma sofrer em Miami historicamente, sendo que se abrir uma larga vantagem, deve colocar os reservas para dar rodagem, principalmente aos calouros. A defesa tem um ponto de preocupação, que seriam as jogadas heróicas em profundidade que Fitzpatrick gosta de fazer e a defesa de New England gosta de sofrer.

Principais jogadores:

Miami Dolphins:

QB Ryan Fitzpatrick passou para 185 jardas com 1 TDs e 1 interceptação na semana 10. RB Kenyan Drake correu para 12 jardas na semana 1. WR Devante Parker teve 3 recepções para 75 jardas na semana 1. CB Eric Rowe teve 9 tackles na semana 1.

New England Patriots:

QB Tom Brady passou para 3 TDs e 341 jardas na semana 1. WR Phillip Dorsett teve 95 jardas recebidas e 2 TDs na semana passada. WR Josh Gordon teve 73 jardas e 1 TD no último jogo. LB Jamie Collins teve 6 tackles e 1 tackle para perda de jardas no duelo contra Pittsburgh. S Devin McCourty teve 1 interceptação e 2 passes desviados na última semana.

  • Com a performance da semana 1, o WR A.J. Brown está na briga para bater o recorde de Odell Beckham Jr. de 5 jogos consecutivos como calouro com +90 recebidas
  • DK Metcalf, que recebeu 95 jardas contra o Bengals, também está no páreo
  • Drew Brees e Tom Brady diminuíram suas diferenças para o recorde de 539 TDs de Peyton Manning. Questão de tempo para o recorde ser batido.
  • Com pouco menos de 200 jardas, Antonio Brown pulará 2 posições no ranking de jardas recebidas na história da liga
  • Frank Gore corre atrás de pouco mais de 500 jardas para entrar no top 3 de jardas corridas da liga.

 

Acompanhe nosso conteúdo mais de perto e fique por dentro de tudo o que rola na NFL e NCAA: Siga nosso Twitter e curta nossa página no Facebook. Para ganhar DEZENAS de benefícios e se tornar um apoiador do site e do nosso trabalho, clique aqui.

Compartilhe

Comments are closed.