sexta-feira, 4 de janeiro de 2019

Compartilhe

A temporada regular terminou e os playoffs estão chegando para deixar todos os fãs da NFL muito empolgados. Antes vamos a alguns destaques da última semana da temporada regular:

  • Com 2 TDs contra o Raiders, o QB Patrick Mahomes se juntou a Peyton Manning (55 em 2013) e Tom Brady (50 em 2007) como os únicos QBs com pelo menos 50 TDs em uma mesma temporada.
  • Com 1 TD de 67 jardas contra o Raiders, o WR Tyreek Hill empatou com Gale Sayers (16) como os jogadores com mais TDs de pelo menos 50 jardas nas três primeiras semanas temporadas da carreira.
  • Com 24 passes completos contra o Jets, o QB Tom Brady se tornou o quarto QB com pelo menos 6.000 passes completos na carreira se juntando a Drew Brees (6.586), Brett Favre (6.300) e Peyton Manning (6.125).
  • Com 3 TDs contra o Ravens, o QB Baker Mayfield (27) ultrapassou Peyton Manning e Russell Wilson como o QB novato com mais TDs na sua temporada de rookie.
  • George Kittle (1.377 jardas) e Travis Kelce (1.336 jardas) ultrapassaram Rob

Gronkowski para o maior número de jardas por um TE em uma única temporada.

  • Com 1.5 sack contra o Jaguars, o DE J.J. Watt se juntou a Reggie White como os únicos jogadores com quatro temporadas com pelo menos 15 sacks.
  • Com 142 jardas de scrimmage contra o Cowboys, o RB Saquon Barkley (2.028) se juntou a Eric Dickerson (2.212) e Edgerrin James (2.139) como os únicos novatos com pelo menos 2.000 jardas de scrimmage na história da liga.
  • Com 4 recepções, Barkley chegou a 91 recepções e ultrapassou Reggie Bush para o maior número de recepções por um RB novato na história.

Já estão classificados para as semifinais de conferência o Kansas City Chiefs, New England Patriots, New Orleans Saints e Los Angeles Rams. Confira nosso Guia e não perca nada.

Indianapolis Colts (10-6) @ Houston Texans (11-5) – Sábado, 05/01, 19:35 (Horário de Brasília) – Transmissão: ESPN

Resultado de imagem para colts x texans

Um confronto de divisão que tem tudo para ser bem equilibrado. O Houston Texans venceu a AFC Sul pela terceira vez nas últimas quatro temporadas. Houston venceu nove partidas seguidas (da semana 4 até a 13) e se tornou o primeiro time desde 1970 a vencer pelo menos 7 partidas consecutivas depois de começar com uma campanha de 0-3 para começar uma temporada. Foi uma equipe que roubou a bola e cuidou muito bem dela, liderando a AFC com +13 no diferencial de turnovers. O técnico Bill O’Brien conseguiu conquistar o título de divisão em três das cinco temporadas que está como técnico da franquia. O Texans teve quatro jogadores selecionados para o Pro Bowl de 2019: LB Jadeveon Clowney, WR DeAndre Hopkins, LB Benardrick McKinney e DE J.J. Watt.

O Indianapolis Colts conseguiu garantir sua classificação para os playoffs em confronto direito contra o Titans na última semana fora de casa. Conseguiu chegar a pós-temporada pela primeira vez desde 2014. É a décima-terceira vez que o time chega aos playoffs desde 2002, a segunda melhor marca da NFL, apenas atrás do Patriots (15). Com a volta de Andrew Luck, o ataque melhorou demais para essa temporada, sendo o quinto com mais pontos por partida com 27.1 por jogo. A linha ofensiva é excelente, protegendo muito bem Luck, cedendo apenas 18 sacks, a melhor marca de 2018. Luck consegue achar muito bem seus Tes, principalmente na end zone, por isso o Colts lidera a liga com 21 TDs com recepção de Tes, a melhor marca desde 2011 (New England – 24). O técnico Frank Reich estreou nessa temporada e já conseguiu levar a equipe aos playoffs, fazendo grande trabalho. São dois jogadores selecionados para o Pro Bowl: TE Eric Ebron e G Quenton Nelson.

Deve ser uma partida bem equilibrada, já que os dois times se conhecem bem demais e cada um teve uma vitória na temporada regular. Vai ser interessante assistir J.J. Watt e Jadeveon Clowney contra a linha ofensiva quase intransponível do Colts. O pass rush de Houston precisa pressionar Luck e deixar o pocket desconfortável, se não é praticamente suicídio. A linha ofensiva do Texans precisa continuar jogando bem como aconteceu na sequência de vitórias da equipe. Vai ser muito importante para os dois times que o jogo terrestre funcionando bem. É a primeira vez que os times se enfrentam na pós-temporada. Na história o Colts lidera com 26 vitórias e 8 derrotas, tendo vencido 3 dos últimos 4 duelos.

Principais Jogadores:

Houston Texans:

QB Deshaun Watson se tornou o primeiro QB da história da NFL com 4.000+ (4.165) jardas de passe, 25+ (26) passes para TD, 500+ (551) jardas terrestres e 5+ (5) TDs terrestres em uma única temporada. RB Lamar Miller liderou a equipe com 973 jardas terrestres e teve 5 TDs terrestres. WR DeAndre Hopkins ficou em segundo lugar na NFL em jardas de recepção (1.572) e terceiro em recepções (115) em 2018. DE J.J. Watt ficou em segundo lugar na liga com 16 sacks em 2018. LB Jadeveon Clowney é 1 de 4 jogadores com 50+ (53) tackles para perdas de jardas desde 2016.

Indianapolis Colts:

QB Andrew Luck ficou em segundo lugar na NFL com 39 TDs e em quinto em jardas de passe (4.593). RB Marlon Mack liderou a equipe com 908 jardas terrestres e 9 TDs corridos. TE Eric Ebron liderou a NFL entre Tes e ficou em segundo na NFL com 13 TDs de recepção. LB Darius Leonard liderou a liga com 163 tackles. DL Denico Autry liderou a equipe com 9 sacks.

Seattle Seahawks (10-6) @ Dallas Cowboys (10-6) – Sábado, 05/01, 23:15 (Horário de Brasília) – Transmissão: ESPN

Resultado de imagem para seahawks x cowboys

Outra partida que tem tudo para ser muito equilibrada. O Dallas Cowboys venceu a NFC Leste, sendo o segundo título de divisão desde 2016. Dallas é 1 de 2 times da NFL (New Orleans Saints) com mais de um jogador com 6+ TDs terrestres (Dak Prescott e Ezekiel Elliott, com 6 cada). O técnico Jason Garrett está liderando a equipe pela terceira vez nas últimas 5 temporadas aos playoffs. O jogo terrestre é uma das principais forças do Cowboys, com Elliott liderando a liga com 1.434 jardas corridas e Prescott sendo o segundo QB com mais TDs terrestres atrás apenas de Josh Allen. O Cowboys teve cinco jogadores selecionados para o Pro Bowl 2019: RB Ezekiel Elliott, CB Byron Jones, DE Demarcus Lawrence, G Zach Martin e T Tyron Smith.

O Seattle Seahawks conseguiu sua vaga no Wild Card e chega aos playoffs pela sexta vez nas últimas sete temporadas. Seattle tem a fórmila do sucesso há muito tempo, que é o seu jogo corrido funcionar muito bem. Com isso, a equipe lidera a NFL com 160 jardas terrestres por partida. O Seahawks também cuida muito bem da bola, além de conseguir forçar turnovers importantes, tendo a melhor diferença com +15 em 2018. Seattle é a única equipe da NFC com mais de um jogador com 10+ sacks cada (DE Frank Clark – 14 e DT Jarran Reed – 10.5). O técnico Pete Carroll vem fazendo um trabalho espetacular há muito tempo, tendo um recorde vencedor em cada uma das últimas sete temporadas. O Seahawks teve dois jogadores chamados para o Pro Bowl: P Michael Dickson e LB Bobby Wagner.

É duelo de dois times com características parecidas. Tanto Dallas como Seattle tem ótimos jogos terrestres que ajudam demais seus QBs, principalmente em jogadas de play action e read option, já que os dois correm muito bem com a bola. As defesas são bem fortes, conseguindo pressionar os QBs adversários com muita eficiência. Por isso, o jogo é bem equilibrado, sendo muito difícil decidir quem irá vencer o jogo, com Dallas com um pouco de vantagem por jogar em casa. É ver como a linha ofensiva de Seattle vai se portar contra um bom pass rush e como Dak irá enfrentar uma excelente defesa que consegue pressionar, sendo ele um QB bem mais instável do que Russell Wilson. Já se enfrentaram uma vez nos playoffs, com uma vitória de Seattle por 21 x 20. O Cowboys lidera no confronto histórico com 10 vitórias e 9 derrotas, porém o Seahawks venceu os últimos 3 duelos.

Principais Jogadores:

Dallas Cowboys:

QB Dak Prescott passou para 3.885 jardas em 2018. RB Ezekiel Elliott liderou a NFL com 1.434 jardas terrestres e ficou em segundo com 2.001 jardas de scrimmage na temporada. WR Amari Cooper teve 1.005 jardas de recepção em 2018. DE Demarcus Lawrence liderou a equipe com 10.5 sacks em 2018. LB Leighton Vander Esch ficou em terceiro na liga com 138 tackles.

Seattle Seahawks:

QB Russell Wilson ficou em terceiro na NFL com 35 TDs e em terceiro com 110.9 de rating em 2018. RB Chris Carson liderou a equipe com 1.151 jardas terrestres em 2018. WR Tyler Lockett liderou o time em recepções (57), jardas de recepção (965) e TD de recepção (10) em 2018. LB Bobby Wagner ficou em quarto na liga com 136 tackles em 2018. DE Frank Clark teve 14 sacks na temporada.

Los Angeles Chargers (12-4) @ Baltimore Ravens (10-6) – Domingo, 06/01, 16:00 (Horário de Brasília) – Transmissão: ESPN

Resultado de imagem para chargers x ravens

Partida excelente entre dois times que mostraram que podem surpreender em fases mais decisivas nos playoffs. O Baltimore Ravens surpreendeu no final e conseguiu vencer a AFC Norte, sendo o primeiro título de divisão desde 2012 e a primeira aparição nos playoffs desde 2014. A equipe tem uma das defesas mais fortes e temidas da NFL, liderando em jardas cedidas por partida com apenas 292.9 e ficando em segundo em pontos cedidos por partida com 17.9. Outro ponto muito forte do time é o jogo terrestre, principalmente desde a entrada do novato Lamar Jackson como titular, liderando a AFC e estando em segundo na NFL com 152.6 jardas terrestres por partida. O técnico John Harbaugh foi o técnico que levou a equipe ao último título vencendo o Super Bowl XLVII em 2012. Baltimore teve três jogadores selecionados para o Pro Bowl: LB C.J. Mosley, S Eric Weddle e G Marshall Yanda.

O Los Angeles Chargers fez a segunda melhor campanha da AFC, mas terminou não vencendo a divisão pela campanha melhor ainda do Chiefs. O Chargers chegou aos playoffs pela primeira vez desde 2013 e teve 12 vitórias, a melhor temporada desde 2013 (13). Los Angeles teve um grande ataque, mostrando um Philip Rivers jogando em alto nível, principalmente quando tinha o RB Melvin Gordon jogando. Ficou em terceiro na liga em jardas por jogada com 6.3 e empatado em sexto na NFL em pontos por partida com 26.8. O técnico Anthony Lynn se mostrou uma grande contratação e já levou a equipe aos playoffs na sua primeira temporada na franquia, melhorando muito a produção em relação a 2017. Los Angeles teve sete jogadores nomeados ao Pro Bowl 2019. WR Keenan Allen, RB Melvin Gordon, DE Melvin Ingram, S Derwin James, ST Adrian Phillips, C Mike Pouncey e QB Philip Rivers.

Deve ser uma partida bem legal de assistir, já que o confronto dos dois na temporada regular foi bem equilibrado. O Ravens vai se apoiar e tentar fazer tudo que conseguiu no confronto entre os times, jogo terrestre forte, gastand o relógio o máximo que pode e a defesa resolvendo contra o ataque adversário. O Chargers precisa conseguir pressionar Jackson, tentando encaixotar ele no pocket, já que é um jogador que consegue fugir muito bem. Melvin Gordon será muito importante para tirar a pressão de Philip Rivers e para o Chargers ficar com a bola no seu ataque. Como as equipes já se enfrentaram na temporada regular, então os dois times têm informações suficientes para surpreender o adversário. As equipes nunca se enfrentaram nos playoffs. Na história o Ravens lidera com 7 vitórias e 5 derrotas, tendo vencido os últimos 2 duelos.

Principais Jogadores:

Baltimore Ravens:

QB Lamar Jackson está 6-1 desde que virou titular em 2018, incluindo 4-0 jogando em casa. RB Gus Edwards ficou em quinto entre os novatos com 718 jardas terrestres. TE Mark Andrews teve 83 jardas de recepção, incluindo TD de 68 jardas no último encontro entre os times. LB Terrell Suggs tem 132.5 sacks com o Baltimore, empatado com Lawrence Taylor para o terceiro maior número de sacks com uma única equipe. LB Za’Darius Smith liderou a equipe com 8.5 sacks na temporada.

Los Angeles Chargers:

QB Philip Rivers passou para 4.308 e é 1 de 4 QBs com 10 temporadas com 4.000+ jardas de passe. RB Melvin Gordon ficou em sexto na AFC com 1.375 jardas de scrimmage. WR Keenan Allen liderou a equipe com 97 recepções para 1.196 jardas. DE Melvin Ingram liderou o time com 7 sacks. DE Joey Bosa teve 5.5 sacks nos últimos 6 jogos.

Philadelphia Eagles (9-7) @ Chicago Bears (12-4) – Domingo, 06/01, 19:30 (Horário de Brasília) – Transmissão: ESPN

Resultado de imagem para eagles x bears

Esse jogo parece ter a maior diferença entre os times, de acordo com a temporada regular. O Chicago Bears surpreendeu na temporada e venceu a NFC Norte, sendo primeiro título desde 2010. Chicago mostrou durante todo o ano e principalmente com a chegada de Khalil Mack, como sua defesa assustou todos os adversários. Lidera a liga em pontos cedidos (17.7 por jogo), em roubos de bola (36) e interceptações (27) e ficou em terceiro em diferença de turnovers (+12) em 2018. O Bears venceu 9 dos últimos 10 jogo e está 7-1 na sua casa, mostrando como jogar em Chicago é uma grande vatangem para a equipe da casa. O técnico Matt Nagy estreou como técnico da franquia e fez um grande trabalho, sendo considerado como o melhor técnico do ano. O Bears teve 5 jogadores selecionados para o Pro Bowl: RB Tarik Cohen, CB Kyle Fuller, DT Akiem Hicks, S Eddie Jackson e LB Khalil Mack.

O Philadephia Eagles foi muito irregular durante toda a temporada, mas contou com sua vitória e uma derrota do Vikings para se garantir com a última vaga nos playoffs. É a segunda temporada seguida que a equipe está jogando a pós-temporada. A equipe parecia que tinha tudo para ficar de fora, com a lesão de Carson Wentz e várias outras lesões durante a temporada regular, principalmente na secundária e do seu principal RB Jay Ajayi. Se conseguir ir avançando bem e vencer o Super Bowl, seria a primeira franquia desde o Patriots (2003-2004) a venceu de forma consecutiva. O técnico Doug Pederson está 3-0 como técnico em playoffs, incluindo a vitória no Super Bowl contra New England. O Eagles teve três jogadores nomeados ao Pro Bowl: G Brandon Brooks, DT Fletcher Cox e TE Zach Ertz.

É um jogo que o Eagles terá que se superar para conseguir vencer o Bears em Chicago. Nick Foles terá que jogar em nível Foles playoffs, como aconteceu na temporada passada, porque a pressão em cima do QB será gigantesca. Com esse jogo terrestre capenga, o ataque ficará nas costas de Foles, o que pode não ser muito bom com uma defesa tão boa e agressiva como é a do Bears. Chicago contará com um ataque bem balanceado, usando corridas e passes curtos para não deixar Trubisky desconfortável no jogo. A chance de Philadelphia é Foles jogar demais e ter um pouco de ajuda do jogo terrestre, o que não vem acontecendo com regularidade nesta temporada. As equipes já se enfrentaram três vezes na pós-temporada, com 2 vitórias para o Eagles  e 1 para o Bears. No confronto histórico o Bears lidera com 29 vitórias, 14 derrotas e 1 empate, porém o Eagles venceu os últimos 3 duelos.

Principais Jogadores:

Chicago Bears:

QB Mitchell Trubisky teve 4 partidas com 120+ de rating em 2018. RB Jordan Howard correu para 935 jardas e teve 9 TDs terrestres em 2018. WR Allen Robinson liderou a equipe com 754 jardas de recepção. LB Khalil Mack teve 12.5 sacks em 2018. CB Kyle Fuller foi um dos líderes da NFL com 7 interceptações e ficou em primeiro com 21 passes defendidos na temporada.

Philadelphia Eagles:

QB Nick Foles está 4-1 com 1.413 jardas e 7 TDs contra 4 interceptações em cinco partidas como titular nesta temporada. RB Josh Adams liderou a equipe com 511 jardas terrestres nesta temporada. TE Zach Ertz teve 116 recepções em 2018. DT Fletcher Cox teve 3 sacks e fumble forçado na semana 17. LB Nigel Bradham teve 15 tackles e sack em 3 jogos de playoffs na carreira.

  • Com 300 jardas de passe e 3 TDs de passe contra o Bears, o QB Nick Foles vai se tornar o segundo QB da história da NFL com pelo menos 300 jardas e 3 TDs em 3 jogos de pós-temporada consecutivos.
  • Com 115+ de rating contra o Ravens, o QB Philip Rivers vai se tornar o quarto QB a conseguir três jogos de pós-temporada consecutivos com pelo menos 115 de rating.

Acompanhe nosso conteúdo mais de perto e fique por dentro de tudo o que rola na NFL e NCAA: Siga nosso Twitter e curta nossa página no Facebook. Para ganhar DEZENAS de benefícios e se tornar um apoiador do site e do nosso trabalho, clique aqui.

Compartilhe

Comments are closed.