terça-feira, 9 de abril de 2019

Compartilhe

A Liga dos 32 inova mais uma vez – agora em nossos Mock Drafts. Nas escolhas, os especialistas irão comentar apenas o encaixe nos times, deixando a análise dos jogadores em separado, mostrando tudo aquilo de bom e de ruim que o prospecto poderá trazer para a sua equipe na NFL.

ATENÇÃO: Há uma análise detalhada de cada jogador abaixo (scouting report). Basta clicar no nome do atleta e conferir. Em breve, lançaremos nosso Top 150 com informações dos 150 mais talentosos jogadores do Draft 2019. Tudo feito por especialistas no assunto. Enquanto isso, o Top 100 já está disponível aqui!

Restando poucas semanas para o Draft, é hora de divulgar meu segundo e último Mock Draft. Com a Free Agency e período de eventos pré-draft, as intenções dos times nessa offseason ficaram um pouco mais claras. Abaixo, você pode conferir a minha simulação da primeira rodada do Draft 2019. A maior parte das análises é completamente grátis e aberta a todos. Cerca de 30% delas são exclusivas para quem faz parte do L32 Premium. Você pode apoiar o nosso trabalho clicando aqui (temos promoção de 7 dias grátis).

Aqui o debate é liberado. Fique à vontade para comentar com a gente pelo Twitter, Instagram ou Facebook.

1.logo cardinalsArizona Cardinals – QB Kyler Murray (Oklahoma)

Essa é definitivamente um dos Drafts mais divertidos que eu já cobri aqui na Liga dos 32, com muito drama já começando a partir da primeira escolha. Ainda temos algumas semanas pela frente e muita coisa pode acontecer, mas – usando uma conhecida frase – eu acredito que é mais provável que sim do que não que Kyler Murray será o primeiro jogador escolhido no Draft. Resta saber se será pelo Cardinals ou outro time bastante interessado no dinâmico quarterback (Oi, Raiders).

Como não vou fazer trocas nesse mock, a franquia de Arizona é o destino de Murray. O encaixe dele na filosofia ofensiva de Kliff Kingsbury é bastante óbvia, visto o excelente braço e mobilidade muito acima da média do ex-Sooners. Isso obviamente significaria o fim da passagem de Josh Rosen pelo Cardinals.

2.logo 49ersSan Francisco 49ers – DE Nick Bosa (Ohio State)

Repetindo a escolha do meu último mock, o 49ers vai com o melhor pass rusher da classe. Ao lado do recém-chegado Dee Ford, Bosa formaria uma dupla interessantíssima de defensive ends, que ainda contaria com o excelente DeForest Buckner fazendo pressão no interior. Obviamente essa escolha também significaria ainda menos oportunidades para Solomon Thomas, escolha de primeira rodada da franquia em 2017.

Quinnen Williams seria a melhor escolha em minha opinião, mas com certeza os torcedores do 49ers ficariam felizes com Nick Bosa alinhando em sua linha defensiva, com Dee Ford no seu lado oposto e DeForest Buckner pelo interior. Muito talento junto – difícil esse pass rush não funcionar.

3. logo jets New York Jets – EDGE Josh Allen (Kentucky)

Outro time bastante agressivo nessa offseason, caso não arrume um tão desejado parceiro para um troca, certamente o Jets vai buscar reforçar o seu pass rush. Coincidentemente, Allen tem o perfil de um jogador que a franquia procura para posição. Tem ótimas medidas, atleticismo, é muito inteligente e versátil para ser alinhado de formas diferentes.

4.logo raidersOakland Raiders –  DT Quinnen Williams (Alabama)

Nesse cenário, o melhor jogador da classe para mim acabou caindo no colo do Raiders. O time já conta com sólidos nomes para a posição, mas o talento de Williams pode ser uma tentação forte o suficiente para fazer a franquia não querer perder a oportunidade.

5.logo buccaneersTampa Bay Buccaneers – LB Devin White (LSU)

Não são poucos os rumores que ligam o Bucs ao Devin White caso o time não faça trocas. Apesar de ainda cru em alguns quesitos, o ex-Tigers é muito talentoso e atua em uma posição que o Bucs tem carência. Consequentemente, a possibilidade desse cenário se concretizar no dia do Draft é considerável.

6. logo giants  New York Giants –  QB Dwayne Haskins (Ohio State)

Mesmo com um dos piores front offices da liga, ainda tenho um pouco de esperança que o Giants faria  a coisa certa em escolher Dwayne Haskins nesse cenário. É evidente que não é sustentável mais para a franquia manter Eli como titular por muito mais tempo e, apesar da pouca experiência, Haskins tem características muito apreciadas em jogadores da posição.

7.logo jaguarsJacksonville Jaguars – OT Jawaan Taylor (Florida)

Agora com um novo quarterback com a chegada de Nick Foles, é hora do Jaguars melhorar o conjunto ao redor do mesmo. Taylor não é o mais técnico da posição, mas é meu offensive tackle favorito pelo enorme potencial que, somados com excelentes atuações no ano passado, o transformam em um jogador que pode contribuir imediatamente.

8.logo lionsDetroit Lions –  DT Ed Oliver (Houston)

Com Damon Harrison prestes a receber um novo contrato e A’Shawn Robinson entrando no último ano do seu, o Lions pode optar por uma solução jovem e principalmente barata para reforçar o seu front seven. Oliver é um dos melhores atletas da classe e oferece uma opção de pass rusher pelo interior que o Lions atualmente não possui no elenco.

9.logo billsBuffalo Bills – EDGE Montez Sweat (Mississippi State)

  O BIlls foi bastante agressivo na Free Agent e conseguiu reforçar várias posições carentes no elenco. Apesar de continuar reforçando o ataque ser uma boa opção, o valor da escolha de Montez Sweat aqui seria maior do que qualquer outro jogador. O ex-Bulldogs tem os atributos ideais para atuar como DE na defesa da franquia, é um excelente defensor contra o jogo corrido e tem um potencial considerável como pass rusher.

10.logo broncosDenver Broncos – QB Drew Lock (Missouri)

Repetindo a escolha do meu último mock, o Broncos vai atrás de Drew Lock com sua primeira escolha. O jovem quarterback ainda precisa evoluir bastante, mas certamente se beneficiará de não ter que ser nomeado titular imediatamente graças à presença de Joe Flacco.

11.logo bengalsCincinnati Bengals – LB Devin Bush (Michigan) 

Com uma sólida linha defensiva e também com a saída de Vontaze Burfict, Bush se torna uma interessante opção nesse cenário. O veloz LB de Michigan é uma peça fundamental em defesas modernas, capaz de ajudar não só em cobertura de passes e perseguindo os corredores adversários como também em situações de blitz.

12.logo packersGreen Bay Packers – TE T.J. Hockenson (Iowa)

Além de ser um excelente prospecto, Hockenson é exatamente o tipo de jogador que encaixaria facilmente no ataque de Matt LaFleur. Com um conjunto de habilidades bem equilibradas, Hockenson combina muito atleticismo com ótimos bloqueios e mãos bastante seguras.

13.logo dolphinsMiami Dolphins – DL Rashan Gary (Michigan) 

Fazendo a transição para uma nova formação defensiva base, para mim há grandes chances do Dolphins selecionar um defensor com essa escolha. Gary é o jogador com maior potencial de todo Draft na minha opinião. É um atleta de elite mas que ainda não conseguiu transformar todo seu talento em produção. Caso consiga ser desenvolvido, poderá contribuir bastante de várias formas no setor defensivo.

14.logo falconsAtlanta Falcons – DE Clelin Ferrell (Clemson)

Com Vic Beasley entrando no último ano de um contrato que ele não justificou e Grady Jarrett ainda na franchise tag, o Falcons pode optar por uma opção barata para reforçar sua linha defensiva. Ferrell é um jogador sólido e bastante técnico, capaz de contribuir de imediato na defesa do time.

15.logo redskinsWashington Redskins – OL Jonah Williams (Alabama)

Com Murray sendo a primeira escolha geral, obviamente o dominó de Josh Rosen teria que cair em algum lugar e eu creio que seria no Redskins. Sendo assim, o time poderia reforçar sua linha ofensiva com o jogador mais técnico da classe. Apesar de ter atuado como OT no College, Williams tem potencial para ter muito sucesso como OG, sem falar que também poderia atuar em sua posição original em caso de lesão de algum titular.

16.logo panthersCarolina Panthers – EDGE Brian Burns (Florida State)

Precisando renovar sua linha defensiva, o Panthers pode selecionar um dos jogadores mais explosivos da classe. Burns foi muito bem durante todo o período pré-draft, demonstrando muito atleticismo e explosão, características muito procuradas pelas franquias em pass rushers e que o tornam um forte candidato a sair na primeira metade da rodada inicial.

17.  logo giants   New York Giants (via Cleveland Browns) –  WR D.K. Metcalf (Ole Miss)

O Giants não vai conseguir suprir a ausência de OBJ por um bom tempo, mas Metcalf é um prêmio de consolação razoável. O ex-Rebels é absurdamente talentoso do ponto de vista físico e pode ajudar muito no desenvolvimento do novo quarterback da franquia.

18.logo vikings Minnesota Vikings – CB Byron Murphy (Washington)

Fiquei muito tentado a colocar um jogador de linha ofensiva aqui, mas creio que Murphy oferece um valor melhor para o Vikings. Trae Waynes está longe de ser uma opção confiável (sendo inclusive alvo de rumores de troca) e Xavier Rhodes foi publicamente cobrado para justificar seu contrato pelo HC Mike Zimmer. Sendo assim, Minnesota pode escolher por adicionar sangue novo no setor com o meu jogador preferido da posição, o qual compensa o baixo porte com ótimos instintos e agressividade.

19.logo titansTennessee Titans – TE Noah Fant (Iowa)

Nesse cenário, Titans adiciona mais uma arma para Mariota com o meu TE #1 da classe. Fant é um fantástico atleta e possui muito potencial como recebedor graças a sua ótima velocidade e porte físico.

20.logo steelersPittsburgh Steelers – CB DeAndre Baker (Georgia)

A secundária do Steelers tem sido uma dor de cabeça por um bom tempo e o time deve continuar movimentando recursos para o setor. Baker não é um atleta de elite e nem possui excelentes medidas físicas, mas compensa isso com muita produtividade e consistência. O jogador é excelente em marcação por pressão e extremamente agressivo.

21.logo seahawksSeattle Seahawks –   OL Cody Ford (Oklahoma)

Mesmo com uma melhora substancial no setor durante a última temporada, o Seahawks pode continuar reforçando sua proteção com um jogador com um enorme porte físico e muita força.

22.logo ravensBaltimore Ravens – WR Hakeem Butler (Iowa St)

Precisando urgentemente reforçar o seu grupo de recebedores, o Ravens aposta em um enorme alvo para Lamar Jackson. Butler tem as medidas ideias de um verdadeiro WR #1. Possui um excelente porte físico, envergadura, é muito veloz e também foi produtivo quando teve oportunidade.

23. HOU Houston Texans – OT Andre Dillard (Washington State)

Necessitando melhorar a proteção ao seu quarterback, o Texans pode escolher um dos melhores atletas da posição na classe. Dillard se destacou muito protegendo contra o passe durante sua carreira no College Football e certamente será uma adição muito bem vinda para a anêmica linha ofensiva do Texans.

24.logo raidersOakland Raiders – CB Greedy Williams (LSU)

Tendo reforçado sua linha defensiva com a primeira escolha, o Raiders pode mover recursos para sua secundária com sua segunda escolha. Williams tem atributos físicos excelentes para a posição, além de ser bastante ágil.

25. PHIPhiladelphia Eagles – DT Christian Wilkins (Clemson) 

Mesmo com a chegada de Malik Jackson e a renovação de Brandon Graham, creio que o Eagles deva continuar reforçando sua linha defensiva e com a primeira escolha o time tem a possibilidade de adicionar um jogador jovem e barato. Wilkins foi muito sólido durante toda sua carreira por Clemson e tem potencial para contribuir bem como jogador de rotação logo em seu primeiro ano.

26.logo coltsIndianapolis Colts – DT Dexter Lawrence (Clemson)

Lawrence é um jogador que ajudaria bastante a defesa do Colts por facilitar a vida dos jogadores ao seu redor. O ex-Tigers é um massivo DT capaz de dar muito trabalho aos bloqueadores adversários.

27.logo raidersOakland Raiders – QB Daniel Jones (Duke)

Não é segredo para ninguém que o Raiders está avaliando muito de perto os jogadores da classe e Daniel Jones pode ser um bom valor para o time caso Gruden não acredite que Carr é o futuro da franquia. O ex-QB de Duke possui um braço mediano, mas é bem polido mentalmente e também tem uma decente mecânica de passe.

28. SD Los Angeles Chargers  –   DT Jerry Tillery  (Notre Dame)

Precisando reforçar o interior de sua trincheira, o Chargers pode apostar em um jogador que, caso consiga ser mais consistente, pode dar muito trabalho às linhas ofensivas adversárias.

29. KCKansas City Chiefs –   DT Jeffery Simmons  (Mississippi St.)

Se não fosse o passado conturbado e a lesão no joelho, Simmons poderia sair bem mais cedo. Como provado anteriormente que não é um time que tem medo de apostar na volta por cima de jogadores desse tipo, o Chiefs pode optar pela escolha do ótimo defensor para reforçar o seu front seven.

30. logo packers  Green Bay Packers – WR A.J. Brown (Ole Miss)

Outra adição para o setor ofensivo nesse cenário. Brown é um dos mais produtivos recebedores da classe e sua execução de rotas o permitirá rapidamente contribuir com o ataque do Packers e construir química com Aaron Rodgers.

31. STLLos Angeles Rams – iOL Garrett Bradbury (NC State)

O Rams reforça o desfalcado interior de sua linha ofensiva com um jogador extremamente sólido e capaz de contribuir imediatamente.

32.Resultado de imagem para new england patriots logo pngNew England Patriots – WR N’Keal Harry (Arizona State)

Com a saída de Gronk e a incerteza ao redor de Josh Gordon, o Patriots pode optar por utilizar sua primeira escolha em um alto e veloz alvo para Tom Brady, o qual também é capaz de conseguir bastante jardas após a recepção.


Acompanhe nosso conteúdo mais de perto e fique por dentro de tudo o que rola na NFL e NCAA: Siga nosso Twitter e curta nossa página no Facebook. Para ganhar DEZENAS de benefícios e se tornar um apoiador do site.

Compartilhe

Comments are closed.