quarta-feira, 6 de fevereiro de 2019

Compartilhe

Uma das maiores novelas dessa offseason ganhou mais um capítulo. Após o Philadelphia Eagles exercer uma opção de mais um ano de contrato ao QB Nick Foles por 20 milhões garantidos na semana passada, o jogador recusou esse contrato na tarde de ontem. Foles tinha uma opção para negar esse acordo, onde só precisaria devolver 2 milhões referentes a incentivos do ano passado, e a ativou a fim de se tornar free agent na próxima janela. Agora se o Eagles realmente quiser contar com o camisa 9 na próxima temporada, deverá colocar a Franchise Tag no atleta para evitar perde-lo de graça.

Um casamento que já teria data e hora para terminar acabou ganhando uma sobrevida. Após o Philadelphia Eagles dar todos os indícios de que o deixaria sair livremente após Doug Peterson anunciar que Carson Wentz seria o titular para 2019, poucos entenderam o motivo da ativação da clausula de um ano de Foles. Reserva de luxo? Pode até ser, mas os altos 20 milhões que seriam pagos ao QB, agora aumentam em 5 milhões para os valores da Franchise Tag. De qualquer forma, Wentz novamente sofreu com uma lesão no fim da temporada e terá que estar pronto para o próximo ano. Caso não esteja, o Eagles tem em Foles sua apólice de seguro.

Leia Mais: Sejam todos bem vindos à offseason!

Leia Também: Patriots domina Rams e é campeão do Super Bowl 53

Tudo também pode não passar de uma estratégia da equipe para arrumar uma troca pelo QB, no entanto, ainda segue sendo uma aposta arriscada. Assim, tudo que o Eagles busca nesse momento é tempo para arrumar um interessado para trocar por Foles.

E o principal candidato ao posto é o Jacksonville Jaguars, que atualmente tem Blake Bortles como QB, mas já se mostraram completamente desacreditados com o jogador e devem se desfazer dele. A equipe também contratou John DeFilippo para o cargo de coordenador ofensivo, antigo conhecido de Foles. O novo contratado de Jacksonville foi campeão com o camisa 9 em 2018 pelo Eagles e um dos principais responsáveis pelo alto desempenho do atleta. Assim, considerar uma nova jornada juntos parece ser muito possível. Tudo que a equipe precisa fazer é arrumar espaço no teto salarial para comportar o salário que seu novo passador viria a comportar.

Atualmente o Jaguars está com uma projeção de -6 milhões no salary cap, o que é péssimo para o negócio. Assim, sua missão seria arrumar espaço extra, se desfazendo de veteranos no elenco e arrumando os contratos ruins que já tem na equipe. Tudo ainda está muito cedo, e amanha podemos ter novamente outra reviravolta na história. Por enquanto, tudo que nos resta é aguardar, e é claro, especular.


Acompanhe nosso conteúdo mais de perto e fique por dentro de tudo o que rola na NFL e NCAA: Siga nosso Twitter e curta nossa página no Facebook. Para ganhar DEZENAS de benefícios e se tornar um apoiador do site e do nosso trabalho, clique aqui.

Compartilhe

Comments are closed.