sábado, 21 de novembro de 2020

Compartilhe

Assim como todos os anos no passado recente, a conferência nacional tem se mostrado, também em 2020, estar muito equilibrada, estando a disputa pelas sete vagas nos playoffs tão acirradas como sempre. Sob esta perspectiva caminha o jogo da rodada da semana, ao passo que uma vitória pode concretizar um grande passo rumo à garantia da vaga nos playoffs.

Los Angeles Rams e Tampa Bay Buccaneers se encontram no próximo Monday Night Football em uma partida que pode decretar que um dos dois estará nos playoffs, haja vista ser difícil um time com apenas três derrotas nas últimas seis semanas ficar de fora da pós temporada, ainda mais apresentando um bom nível em campo. Confira uma análise desse embate na coluna “O jogo da rodada”.

Leia Mais: Fantasy de Bar Ep #11 – Análise da Semana 11 da NFL

Leia Também: Por que os uniformes da NFL não têm patrocínio?

Visão geral

Destaques e Decepções: Quem segura o Rams? - Liga dos 32

O Los Angeles Rams conseguiu no último domingo uma vitória que certamente impactará no futuro da divisão oeste da conferência nacional, ao passo que derrotando o Seattle Seahawks, time que até então contava com o seed 1 da conferência no caminho para os playoffs, o Rams empatou com a franquia de Washington e agora, mais do que nunca, depende de si mesmo para eventualmente conquistar o título da divisão. Apesar do forte ataque liderado por Sean McVay e e Kevin O’Connell, é a defesa da equipe que está se sobressaindo e tomando o protagonismo da campanha do time até aqui. A unidade comandada por Aaron Donald e Jalen Ramsey é estatisticamente a segunda melhor defesa total, terceira melhor defendendo a corrida e quinta melhor contra o passe. Aos que pensam que jogar contra o Rams é pensar em deter o variado ataque de McVay e todas as peças do tabuleiro ofensivo, agora também precisam pensar em como atravessar a parede defensiva. Salva as circunstâncias, este é o Los Angeles Rams mais completo que esteve sob o comando do técnico Sean McVay, ainda que não conte com os mesmos poderosos nomes que estavam na equipe na caminhada ao Super Bowl em 2017.

Assim como o Rams, o Tampa Bay Buccaneers também tem em sua unidade defensiva a força que prepondera na campanha positiva da equipe. Agressiva, a defesa do Bucs forçou turnovers em todos os jogos até aqui tirando a estréia da equipe na temporada, somada a parede contra o jogo terrestre, que, inclusive, cedeu o menor número de jardas aos seus adversários em toda a liga, formam uma poderosa defesa para se penetrar, tanto correndo quanto passando ao considerar o forte pass rush da equipe. Mesmo não liderando o time em sacks, Shaquil Barrett é o jogador que mais pressiona os quarterbacks adversários na linha defensiva, o que tem gerado resultados satisfatórios para a equipe como um todo. Por outro lado, o ataque também tem sido fator importante nas vitórias da franquia até aqui, ao passo que dos sete resultados positivos até aqui, em apenas um o ataque não anotou mais de 28 pontos, tendo anotado mais de 38 pontos em quatro oportunidades. Um dia inspirado de Tom Brady separa um Buccaneers competitivo de um desafiante aos times mais fortes em toda a liga, tendo em vista que material e técnico existe para bater de frente com qualquer um.

Fique de olho

Jalen Ramsey vs recebedores do Bucs

3 reasons why Jalen Ramsey contract extension with Rams makes sense - Turf  Show Times

Não é surpresa que Jalen Ramsey seja um dos melhores, senão o melhor cornerback em toda a liga. Sua habilidade em cobertura homem a homem somado ao seu jogo físico o fazem ser um pesadelo a todo recebedor que alinha a sua frente. No último domingo, Ramsey teve uma batalha individual contra DK Metcalf em que saiu vencedor, ao passo que o astro do Seahawks teve apenas duas recepções em lançamentos na sua direção para míseras 28 jardas, sendo que Ramsey levava a melhor na maioria dos embates, fazendo com que Russell Wilson tivesse que olhar para o outro lado.

Não contente em enfrentar um grande recebedor, Ramsey agora terá três WRs de alto calibre para dar conta: Mike Evans, Chris Godwin e o recém chegado Antonio Brown. Na última vitória diante do Carolina Panthers, todos tiveram ao menos 69 jardas recebidas, mostrando, desde logo, que Byron Leftwich pretende usar todas as armas para mesclar o máximo possível o ataque, tornando o forte grupo de jogadores de habilidade ainda mais imprevisível. Por isso, será interessante observar contra quem Ramsey irá alinhar na partida, mas uma coisa é certa: independentemente de quem seja, será uma bela batalha à parte para analisar na próxima segunda.

Chaves para vitória

Tampa Bay Buccaneers

Criatividade. Como dito acima, Byron Leftwich tem as armas para abrir a caixa de ferramentas e inovar. E é isso que é preciso para passar pela forte defesa do Rams.

Estabilizar o jogo terrestre. Algo que não tem sido muito feito quando o time está sob adversidade em qualquer momento. Além de desafogar Brady, é uma forma de neutralizar a ameaça que é Aaron Donald no miolo da linha.

Colocar Goff em situações óbvias de passe para que Shaquil Barrett e companhia entrem em ação. O time do Rams é um dos que mais convertem terceiras descidas, motivo pelo qual é preciso tirar o QB de sua zona de conforto, o colocando em necessidade de muitas jardas para conversão.

Los Angeles Rams

Pressionar Tom Brady no começo do jogo. O que os dois jogos do Bucs contra o Saints mostraram para a liga é que forçar o lendário QB a ficar atrás e errar logo no começo é o caminho mais fácil para controlar o restante do jogo.

Abusar das jardas pós recepção. Jared Goff não terá todo o tempo do mundo no pocket, ainda mais considerando que o LT Andrew Whitworth  não estará em campo. Logo, aproveitar-se de passes curtos e jardas após a recepção será de fundamental ajuda.

Evitar turnovers. O Los Angeles Rams entregou a bola para o adversário em todos os jogos até aqui e forçar turnovers é um dos pontos mais fortes da defesa de Tampa Bay.

Palpite

Tom Brady é eleito melhor jogador ofensivo de outubro pela NFC | futebol  americano | ge

Vitória do Tampa Bay Buccaneers.

Acompanhe nosso conteúdo mais de perto e fique por dentro de tudo o que rola na NFL e NCAA: Siga nosso Twitter e curta nossa página no Facebook. Para ganhar DEZENAS de benefícios e se tornar um apoiador do site e do nosso trabalho, clique aqui.

Compartilhe

Leave A Reply