quarta-feira, 21 de agosto de 2019

Compartilhe

Como sempre precisamos repetir, pré-temporada não vale nada. São apenas grandes treinos onde o resultado é o menos importante da partida. Técnicos não usam seus playbooks, reservas atuam na maior parte do tempo e muitos dos titulares nem irem ao campo são um dos motivos para você não ligar muito para as partidas. No entanto, algumas coisas podem ser observadas, principalmente quando falamos de casos individuais. Saúde de jogadores, desempenho de calouros e momento em que atletas vão ao campo são detalhes que fazem sim diferença. Assim, separamos algumas coisas para você prestar atenção nessa semana 3, que é de longe a mais importante e onde os titulares costumam jogar mais snaps.

Desempenho dos QBs calouros

Se o desempenho dos calouros sempre vale se destacar, dos Quarterbacks nem se fala. Kyler Murray, Daniel Jones e Dwayne Haskins alternaram bons e maus momentos nesses dois jogos que passaram até agora. Assim, ter um olhar mais atento ao que mudou de uma semana para outra, o que evoluiu e o que regrediu são detalhes que valem atenção. Passes completos, lançamentos mais longos e interceptações são coisas que vão variar muito, então, ver como os calouros reagem a essas jogadas também será importante. Murray, será o titular do Cardinals na semana 1, então deve ganhar um pouco mais de tempo para se acostumar a Liga. Daniel Jones e Dwayne Haskins ainda disputam suas vagas com veteranos em suas equipes, e só devem ver o campo na segunda metade da temporada, tendo um tempo a mais para se aperfeiçoar. De qualquer forma, todo snap conta nessa evolução.

Leia Mais: Aprenda a usar as Run-Pass Options no Madden NFL 20

Leia Também: Primeiras impressões do Madden NFL 20

Saúde de Cam Newton

Depois de sofrer uma lesão no ombro na temporada passada, Cam precisou fazer tratamento durante a offseason e a sua saúde ainda é uma incógnita. Ainda sem entrar em campo na pré temporada, sua estreia deverá acontecer nesta semana 3 contra o Patriots. Mais do que seu desempenho, ver a fluidez de seus movimentos e a forma como ele lança a bola se farão mais importantes. O Panthers é um bom time, mas só poderá sonhar com algo nessa temporada se tiver o seu camisa 1 em campo.

A batalha pela posição de QB do Dolphins

A disputa entre Josh Rosen e Ryan Fitzpatrick continua acirrada. Os dois alternam bons e maus momentos tanto nos treinos quanto nos jogos. Talvez seu desempenho na semana 3 seja o grande teste para Brian Flores decidir quem será o titular na semana 1 contra o Ravens. Rosen, mais jovem, tem a preferência da maioria dos torcedores. No entanto, a experiência e piso mais elevado de Fitzpatrick atrai a preferência de outros. Como a equipe não deve brigar por grandes coisas na temporada, Brian Flores deve decidir se quer dar maior quantidade de tempo para um possível titular do futuro, ou começar seu ciclo na equipe com um piso de talento mais alto.

O desempenho de Teddy Bridgewater

Nenhum torcedor do Saints quer precisar de Bridgewater na temporada regular, mas Drew Brees vem de um final de temporada 2018 mais fraco após sofrer uma forte pancada conta o Falcons. No entanto, seja para entrar em campo ou não, Teddy pode ajudar o Saints de outra forma. Se conseguir ter um bom desempenho, principalmente agora nessa semana 3, pode se tornar uma interessante moeda de troca para a equipe com alguém desesperado por um QB.

Jimmy Garoppolo

Já dissemos que desempenho na pré temporada não importa tanto, e é bom que fique claro. No entanto, após perder quase toda a temporada 2018, o QB do 49ers tem sido questionado por um baixo desempenho nos treinos e na última partida da preseason. Assim, muitos olhos estarão virados para o camisa 10 nessa semana 3 e é algo para ser observado.


Acompanhe nosso conteúdo mais de perto e fique por dentro de tudo o que rola na NFL e NCAA: Siga nosso Twitter e curta nossa página no Facebook. Para ganhar DEZENAS de benefícios e se tornar um apoiador do site e do nosso trabalho, clique aqui.

Compartilhe

Comments are closed.