quarta-feira, 10 de abril de 2019

Compartilhe

Passado um pouco mais de um mês da abertura da Free Agency, muitos contratos já foram dados e a grande maioria dos melhores jogadores já encontraram um novo lar. No entanto, ainda existem nomes no mercado, e muitos desses ainda podem ter um impacto significativo em suas equipes. Assim, preparamos uma lista com os 5 melhores jogadores ainda sem contrato:

Ndamukong Suh, DT

Suh provavelmente é o nome mais famoso dessa lista. Vice-campeão no ano passado com o Los Angeles Rams, aceitou em 2018 um contrato de apenas 1 ano para tentar ser campeão após já ter ganho muito dinheiro. Passou perto, mas o jogador não conseguiu atingir o seu objetivo. Acredito que uma equipe com o potencial para vencer parecido com o do Rams no passado, seja suficiente para Suh aceitar. Provando que ainda consegue jogar em alto nível apesar dos 32 anos, o time que o contratar pode fazer um acordo de 2 anos sem a preocupação de uma queda de rendimento muito acentuada.

Leia Mais: Prévia do Draft 2019: AFC Oeste

Leia Também: Jamaal Charles merece ser eleito para o Hall da Fama?

Ezekiel Ansah, DE

Um dos Pass Rushers mais talentosos dos últimos ano, Ziggy teve uma queda grande de rendimento devido a lesões. São muitas dúvidas que cercam o DE ex-Lions… Talvez um contrato de menor duração para o jogador se provar para o resto da Liga seja o mais recomendado, ao invés de um contrato longo com menos dinheiro garantido. Independente de onde for, o objetivo do defensor deve ser permanecer saudável e provar que ainda pode atingir o nível que estava pré lesões.

Jay Ajayi, RB

Em uma classe não muito comentada de RBs no Draft, Ajayi pode conseguir um acordo com alguma equipe a qualquer momento. Talvez para o jogador seja melhor assinar antes do evento, para que possa encontrar mais opções no mercado. No entanto, outra opção é esperar os Training Camps e uma lesão em algum RB principal, coisa que acontece em todos os anos. De qualquer forma, Ajayi também é famoso por lidar com lesões e, conseguindo se manter saudável, pode ser uma peça importante de força dividindo o BackField com mais um nome complementar as suas características.

Eric Berry, S

Dono de uma das histórias mais bonitas da NFL, Eric Berry já se recuperou de um câncer e voltou atuar em alto nível. Depois, sofreu uma lesão no ligamento do joelho e ainda não conseguiu voltar a sua velha forma. No entanto, sua força de superação, vontade e talento fazem com que nada me faça crer que ele não é capaz novamente. Sua contratação é um risco muito baixo com uma recompensa muito alta para as equipes deixarem passar. O safety ex-Chiefs logo deve encontrar uma nova casa e agregar muito talento a secundária.

 

Muhammed Wilkerson, DE

Após perder quase toda a temporada passada com uma lesão no tornozelo, o DE mal pode ser aproveitado pelo Gree Bay Packers. Ótimo encaixe na defesa de Mike Pettine, o jogador não pôde mostrar todo o seu potencial e perderá muito dinheiro esse ano por esse motivo. No entanto, o time que assinar com ele vai poder desfrutar de um grande jogador, com uma grande carreira, podendo ter uma produção significante, além de ajudar os jovens do elenco. Devido a grande classe de linha defensiva no Draft, é provável que o defensor demore a encontrar uma nova casa. No entanto, pode até se aproveitar disso: se preparar por conta própria e ter suas férias aumentadas, pulando essa parte da offseason antes dos Trainning Camps. Veteranos como ele não perderiam nada significativo e, aos 29 anos, pode ser um combustível a mais para a temporada.


Acompanhe nosso conteúdo mais de perto e fique por dentro de tudo o que rola na NFL e NCAA: Siga nosso Twitter e curta nossa página no Facebook. Para ganhar DEZENAS de benefícios e se tornar um apoiador do site e do nosso trabalho, clique aqui.

Compartilhe

Comments are closed.