sexta-feira, 4 de janeiro de 2019

Compartilhe

Neste domingo, 6 de janeiro, também é dia de Wild Card na NFL. No primeiro horário, às 16h05, o Baltimore Ravens recebe o Los Angeles Chargers pela AFC, enquanto que na NFC, mais tarde, às 19h40, o atual campeão do Super Bowl, o Philadelphia Eagles, visita o Chicago Bears. Confira os odds da NFL para dar o seu palpite.

Baltimore Ravens x Los Angeles Chargers

Por que o Baltimore Ravens é favorito?

Os Ravens conseguiram o título da AFC Norte com 10 resultados positivos e 6 negativos. Em casa, no M&T Bank, eles foram derrotados em 2 ocasiões, vencendo em outras 5. O time do Baltimore chega para este jogo vindo de 4 vitórias seguidas, o que sem dúvida alguma eleva a moral.

A força ofensiva desta equipe está na jogada terrestre, a segunda da liga, com a média de 152.6 jardas conquistadas por partida. Muito deste número se deve ao running back Alex Collins, autor de 7 touchdowns, e até mesmo ao quarterback Lamar Jackson, dono de 5 TDs. Pelo alto, ele fez 6 TDs. Joe Flacco não teve uma boa temporada regular. Tudo indica que agora ele irá acompanhar o jogo da sideline.

A defesa é a melhor da NFL, tanto que é a que menos cedeu jardas, 292.9 por partida, e pontos, 17.9. Contra as corridas, os Ravens estão na 4ª colocação, com 82.9 jardas, e na 5ª contendo os lançamentos, com 210 jardas.

Segundo o Oddsshark.com, a cota de favorito do Baltimore está avaliada em R$ 1,66 a cada R$ 1,00 a cada R$ 1,00 aplicado.

Por que o Los Angeles Chargers é azarão?

Os californianos dos Chargers, com o rendimento de R$ 2,30, ficaram na vice-liderança da AFC Oeste com 12 triunfos e 4 reveses. Na condição de visitantes, a última vez que eles perderam foi para os Rams, no dia 23 de setembro, pelo placar de 35 a 23.

Philip Rivers comandou o 11º melhor ataque da competição na temporada regular, se destacando nos passes, com a média de 255.6 jardas por partida. O QB teve 32 touchdowns conseguidos e 12 interceptações sofridas. No fim de semana, será preciso usar bem os passes, já que por terra a defesa dos Ravens é uma parede. Correndo com a bola, o desempenho representou o 15º lugar com 117.1 jardas. O “cara” das corridas foi o running back Mike Williams, com 10 TDs feitos.

Defendendo, os Los Angeles, é mais equilibrado, tanto que combatendo os passes quanto as corridas, a franquia está na 9ª colocação do ranking, em ambas as situações.

Apostas na diferença de pontos

Caso a vitória mandante seja por quatro ou mais pontos, o rendimento é de R$ 2,00, enquanto que o triunfo ou derrota dos visitantes por até dois pontos de diferença tem a quantia de R$ 1,83.

Meu palpite

O meu palpite é a vitória dos Ravens, de maneira apertada, por isso não vou especificar como ficará o placar.

Chicago Bears x Philadelphia Eagles

Por que o Chicago Bears é favorito?

Os Bears, campeões da NFC Norte, construíram a campanha de 12-4, e ao longo da temporada regular tiveram uma vida tranquila, sem grandes percalços. Foi a defesa que, em grande parte dos jogos, conseguiu as vitórias. O setor defensivo do Chicago foi o 3º da liga. Esta foi a franquia que menos pontos cedeu, com a média de 17.7 por jogo, e a 3ª que menos permitiu jardas aos rivais, tendo a média de 299.7. Sacks foram conseguidos 50, sendo Khalil Mack responsável por 12.5 sacks desta marca. Ele é o maior sacador da NFL na temporada. Fumbles forçados foram 18, e interceptações, 27. Uma máquina de destruição, concorda?

O ataque, o 9º que mais pontuou, as jogadas corridas foram o ponto forte, com o running back Jordan Howard, dono de 9 TDs, e produziu 121.1 jardas por partida, ocupando a 11ª colocação do ranking. Ainda segundo o Oddsshark.com, os anfitriões garantem ao apostador o retorno de R$ 1,40.

Por que o Philadelphia Eagles chega como azarão?

Diferentemente do Chicago Bears, que teve um ano de 2018 irregular, o Philadelphia Eagles, estimado em R$ 3,05, encontrou dificuldades, tanto que só garantiu a classificação na semana 17, contra o Washington Redskins. A campanha foi de 9-7. Agora, o torcedor das Águias pode ver semelhança com a temporada passada, quando foi campeão. Na ocasião, o time era visto como underdog, uma espécie de zebra, surpreendendo a cada jogo. Recentemente, os comandados de Doug Pederson venceram equipes mais fortes, como Texans e Rams.

Nick Foles segue como titular, já que o QB principal Carson Wentz está lesionado. Em 5 partidas, foram 7 TDs e 4 interceptações, tendo sido sacado 9 vezes. A ofensiva aérea da equipe da Pensilvânia foi a 7ª mais produtiva em termos de jardas: 267.2 por jogo. A corrida vem na longínqua 28ª posição da competição.

A atual defesa não é tão sólida como a da temporada anterior, tendo dificuldades de combater os passes. Neste quesito, os Eagles permitiram 269.9 jardas, no 30º lugar. Já na contenção por terra, o desempenho foi mais eficaz, com somente 96.9 jardas cedidas, na 7ª colocação.

Apostas na diferença de pontos

A vitória mandante por 7 ou mais pontos rende nas casas de apostas R$ 1,90, assim como o triunfo ou derrota por até 6 pontos de diferença dos visitantes.

Meu palpite

Creio no triunfo dos Bears por uma posse de bola, ou seja, no Spread de – 7, com a diferença sendo de 7 pontos.

Dica

Para quem ainda não se sente seguro em fazer os seus investimentos por conta própria, os prognósticos da NFL te ajudam a encontrar o melhor caminho, não desperdiçando a sua grana. Os valores dos odds são gerados a partir de análises de algoritmos, com base nos confrontos anteriores, mostrando qual time tem mais chances de levar a melhor em campo. Os índices de acerto são altos.

Jogos de Wild Card da NFL no fim de semana:

Sábado (5 de janeiro)

19h35 – Houston Texans (R$ 1,83) x (R$ 2,00) Indianapolis Colts

23h15 – Dallas Cowboys (R$ 1,80) x (R$ 2,05) Seattle Seahawks

Domingo (6 de janeiro)

16h05 – Baltimore Ravens (R$ 1,66) x (R$ 2,30) Los Angeles Chargers

19h40 – Chicago Bears (R$ 1,40) x (R$ 3,05) Philadelphia Eagles

Compartilhe

Comments are closed.