terça-feira, 10 de setembro de 2019

Compartilhe

Cansado de textos clubistas sobre os jogos da Semana? A falta de comprometimento com a seriedade do assunto de certos blogs te deixa desanimado? Não vê mais sentido em ler a mesma ladainha de sempre sobre os jogos, pontos positivos e negativos e etc? Seus problemas ACABARAM!

Se liga só no que de melhor aconteceu nessa primeira semana da NFL, através do olhar e da análise séria, sem clubismo, totalmente lúcida e fundamentada da NFL da Zueira.

Green Bay Packers vs Chicago Bears

O jogo de abertura da centésima temporada da NFL foi de longe uma grande partida. Aliás, bom para quem tem insônia que dormiu a partida inteira. Vemos aí o efeito NFL no combate à insônia e problemas relacionados ao sono. O jogo desenrolou com as forças em suas defesas, mas foi equilibrado, Rodgers aprontou das suas e soltou o braço de 47 jardas, em seguida do Touchdown do idoso Graham, um fieldgoal cada lado e só. O Khalil Mack, que ia “dEsTrUiR o RoDgErS” não saiu do bolso do Bakhtiari até agora. O destaque real do jogo foi sem dúvida a apresentação fraca do QB dos Bears, Mitchell Trubisky (a.k.a. TruBust) que decretou a derrota nos minutos finais da partida com a interceptação do Amos, a lei do ex não perdoa.

 

Ver esta publicação no Instagram

 

Uma publicação partilhada por NFL da Zueira (@nfldazueira) a

Packers 10 @ 3 Bears.

Baltimore Ravens vs Miami Dolphins

O Hard Rock Stadium se prepara para receber o Super Bowl LIV com eventos menores como jogo da Seleção Brasileira contra a Colômbia e também jogos-treinos de outras equipes da NFL contra o Dolphins. A partida foi triste para os fãs do Dolphins, mas proveitosa para quem gosta de rir de uma atuação pífia. Aliás, bem feito… Quem mandou colocar nosso Duzão no Pratice Squad? O Baltimore Ravens bateu tanto nos golfinhos de Miami que deveria ser denunciado, investigado e condenado por crime ambiental. Mesmo jogando fora, o Ravens espancou a defesa dos Dolphins com direito a fake punt e touchdown do RGlll (ele existe ainda!). O destaque do jogo foi Lamar Jackson, um RB que lançou incríveis  5 touchdowns e computou 324 jardas totais, ficando com o rating perfeito, (jamais criticado o Lamarzão, MVP). Destaque também para Mark Ingram que correu 107 jardas e anotou 2 touchdowns. A defesa dos Dolphins nem viu a placa do caminhão que a atropelou e o pífio ataque comandado pelo Fritztragic (185 jardas, 1 touchdown e 1 interceptação) completou a vergonha para os fãs dos menores da AFC East. Se o Duzão tivesse em campo, nada disso teria acontecido. A pick 1 no draft de 2020 é realidade.

Ravens 59 @ 10 Dolphins

Tennessee TItans vs Cleveland Browns 

O hype no Cleveland Browns só reforçou a piada em cima do time. O ataque mágico prometido pelo trio Baker Mayfield, Odell Beckham Jr. e Jarvis Landry, além de outros nome, não trouxe tanta alegria assim para o povo de Cleveland presente no FristEnergy Stadium. O Tennessee Titans, que não tinha nada a ver com isso, fez sua parte e mostrou ao Brownsão da Massa que mais do que um ataque com bons nomes, eles precisarão de muito mais para serem fortes na conferência (e talvez chegar a um Super Bowl para ficar a uma jarda do touchdown rsrs). Enquanto o Marcus Maricota ficou com 248 jardas em 14 conexões de 24 tentadas e 3 touchdowns, Baker Mayfield tentou 38 passes, conectou 25 e conseguiu 285 jardas aéreas, entretanto com 3 interceptações – uma delas retornada para touchdown – e o Brownsão não passou dos 13 pontos. O destaque da partida ficou com o nosso gigantesco Cairão da Massa que incorporou o espírito Zica das Bicudas e terminou o jogo 100% com dois field goals anotados, um deles de 53 jardas.

Titans 43 @ 13 Browns

Atlanta Falcons vs Minnesota Vikings

O Failcons foi até Minneapolis enfrentar o Vikings no confronto que colocou frente a frente o grande virgem de Super Bowl e o time que tomou a virada no Super Bowl LI (que também é virgem, diga-si di pasagi) e o jogo não poderia ser mais cabaço que foi. O Vikings mostrou a força de sua virgindade colocando 21-0 no placar nos dois primeiros períodos e chegou no quarto período com um sonoro 28-0. O Failcons chegou a reagir, mas seu forte é pipocar e tomar virada e não buscar a virada. Placar final foi de 28 a 12 para os chifrudos do norte. O destaque do jogo fica para Kirk Cousins que lançou apenas 1 touchdown e 98 jardas, mostrando a confiança que tem do Coordenador Ofensivo. Dalvin Cook anotou dois touchdowns e correu para 111 jardas. No Failcons, o Matt Ryan nadou nadou e morreu na praia; teve uma atuação digna de respeito com 33/46 passes e 304 jardas, mas ninguém respeita quem lança duas interceptações bobas, ainda mais uma num passe para o Julio Jones.

Falcons 12 @ 28 Vikings

Kansas City Chiefs vs Jacksonville Jaguars

A estréia do MVP da última temporada não foi diferente do esperado. Patrick Mahomes já chegou chutando a bunda da defesa do Jaguars (vulgo Sacksonville [?] Jaguars). Mesmo sofrendo uma leve torção no tornozelo – que deixou todo mundo apreensivo, já que ele é a capa do Madden – Mahomes lançou 211 jardas e 2 touchdown apenas no primeiro quarto do jogo, total de 378 jardas e 3 touchdowns APENAS para o Sammy Watkins. Aliás, Sammy Watkins foi reconhecido no exame de paternidade como pai da defesa do Jaguars depois dessa partida. Do outro lado, a estréia de Nick Foles pelo Jaguars foi apagada e encerrada de forma breve com uma fratura da clavícula. Após lançar um lindo touchdown de 35 jardas, Foles deixou o campo para uma – esperamos que não – provável fim de temporada. Tudo muda, menos a porcaria da defesa do Chiefs, que conseguiu tomar 275 jardas e 2 touchdown do rookie substituto Gardner Minshew (leia-se INCEL), mas o jogo terminou como o imaginado,  Bruno & Mahomes e cia a porrada nas Jaguatiricas.

 

Ver esta publicação no Instagram

 

Se bem que errou um recebedor livre na endzone, mas FODASSE CARALHO OLHA ESSE ARROMBADO OLHANDO PRUM LADO E LANÇANDO PRO OUTRO VSF MAHOMES DONO DO MEU CU

Uma publicação partilhada por NFL da Zueira (@nfldazueira) a

Chiefs 40 @ 26 Jaguars

Philadelphia Eagles vs Washington Redskins

O Clássico da NFC East entre Eagles e Redskins começou de um jeito estranho. O Philadelphia Eagles estava sendo espancado pelo time do Redskins no primeiro e segundo períodos. Aliás, o jogo foi pro intervalo com um 20-07 no placar para os peles vermelhas. O que ninguém esperava era que o Príncipe Harry Wentz voltaria ONFIRE para o segundo tempo e o Eagles já meteria um 14-00 no terceiro período. Aliás, o sósia do marido da Megan Markle (ela mesma, aquela de Suits) conectou 28 passes de 39 tentados e 313 jardas totais com 3 touchdowns aéreos, dois deles para o DeSean Jackson que aplicou a lei do ex lindamente no FedEx Field. Case Keenum teve maior número ofensivo, já que o Derrius Guice ainda não estreou na NFL e ficou com 30/44, 380 jardas e 3 touchdowns;  um deles que merece a licença zueira, pois o Vernon Davis perdeu seu avô no sábado e jogou no domingo, anotando esse TD.

Eagles 32 @ 27 Redskins

Buffalo Bills vs New York Jets

O MetLife Stadium foi maltratado e pintado de verde para receber o menor time de New York e aquele outro lá que perdeu 4 Super Bowls seguidos nos anos 90. O jogo entre MC Pikeno e MC Menor não foi lá tão interessante no começo. Foi para o intervalo com um 06-00 para o Jets e no terceiro período chegou a estar 16-03 para os teco-teco. O que ninguém esperava era que Josh Allen, o futuro GOAT, lançaria 254 jardas em 24/37 passes. Mesmo com as duas interceptações, Josh Allen conduziu o Billsão para uma virada não esperada e a vitória fora de casa para começar a temporada 2019 na esperança de ser o segundo colocado da AFC Easy. Enquanto ao Jets, Sam Darnold ficou com apenas 175 jardas e um touchdown lançado; bem, ao menos não lançou nenhuma interceptação, o que já é um avanço para quem tinha Fitzpatrick até pouco tempo atrás. Le’Veon Bell estreou pelos verdinhos e anotou seu touchdonw, acumulando 32 jardas em 6 recepções e 60 jardas correndo da linha de scrimmage.

Bills 17 @ 16 Jets.

Los Angeles Rams vs Carolina Panthers

As Panterinhas da Carolina receberam os Goats de Los Angeles. O ataque dos Panthers só não foi mais feio que encoxar a mãe no tanque, porque o RB Christian McCaffrey botou seu órgão sexual na mesa e mostrou razões para receber salário dobrado, já que recebe mais bola que os WRs. Inclusive, podem dispensar o WR DJ Moore que soltou o kibe 2 vezes, ajudando o time adversários. O Rams também não jogaram tudo aquilo. Goff conseguiu ser pior do que o Pipoqueiro Cam Newton. Enquanto o pipoqueiro acumulou  239 jardas em 25/38 passes tentados e uma interceptação, o Jared Goff mostrou que extorquiu o Rams com seu contrato, pois ficou numa 23/39 com 186 jardas, um touchdown e uma interceptação. Malcolm Brown mostrou pro Gurley quem era o melhor RB em campo, anotando 2 TDs. No fim das contas o jogo “ninguém liga” acabou com vitória do time visitante, que precisa melhorar muito se quiser se garantir como Super Bowl contender.

Rams 30 @ 27 Panthers

Cincinnati Bengals vs Seattle Seahawks

Em Seattle, o confronto entre Bengals e Seahawks começou bem morno, mas foi pro intervalo com um 17-14 para o Bengals. Mesmo com a linha ofensiva e a secundária do Seahawks disposta a ajudar a equipe de Cincinnati a sair com a vitória, não foi dessa vez. Um jogo que certamente vai deixar marcas no running back Russell Wilson, já que não é todo dia que se toma 4 “sacks” em um mesmo jogo. Destaque da partida vai para Andy Dalton que lançou 418 jardas e 2 TD’S, mas ficará lembrado por aquela interceptação ridícula numa bola que ele tentou lançar sem grip nenhum. Mesmo sofrendo os 4 sacks, o RB Russell Wilson lançou 196 jardas totais em 14 conexões de 20 passes tentados e 2 touchdowns. DK Metcalf estreou recebendo 89 jardas totais em 4 recepções, enquanto o Tyler Lockett só precisou de uma para guardar suas 44 jardinhas e um touchdown.

 

Ver esta publicação no Instagram

 

Uma publicação partilhada por NFL da Zueira (@nfldazueira) a

Bengals 20 @ 21 Seahawks

New York Giants vs Dallas Cowboys

No jogo entre os Reis do Gado e os Anões de Nova Yorque, nada de novo. Tivemos um show do Dak Prescot com um rating perfeito de 158.3. O Zeke Eliot mostrou que está com mais fome do que nunca, mas também, com um salário desses ele consegue comprar cereal pra alimentar a liga inteira. Fica até difícil destacar um recebedor quando o único que não marcou TD, Michael Gallup (a.k.a. Galopeira) recebeu 158yds. Já no Giants, o pior dos Manning mostrou porque é a vergonha da família. Se não fosse Saquon Barkley e sua média de 10.9 yds por corrida, e o TE Evan Entram com uma média de 10.5 yds recebidas, nem teríamos o que falar. Os Cowboys parecem estar com um ataque melhor, mas não podem se basear nesta defesa pífia. Apesar de o Eli não ter lançado nenhuma intercepção, os Giants seguem perdendo como nunca, iludindo seus torcedores como sempre. Dak Prescott vai esfregar suas 405 jardas, 25/32 e 4 touchdowns na cara do Jerry Jones e pedir um contrato de respeito, enquanto Eli Manning lançou 306 jardas e 1 td em 30/44 e viu Daniel Jones entrar em campo no finzinho para lançar 17 jardas em 3 conexões.

Giants 17 @ 35 Cowboys

San Francisco 49ers vs Tampa Bay Buccaneers

O jogo entre os Piratas do Caribe e o Time do QB mais bonito da liga foi vencido pelo time que fez menos feio. Jameis Winston (Jameis Winbust) lançou 3 interceptações, sendo 2 retornadas para touchdown e vai, cada vez mais, complicando seu futuro na liga. O ataque do Buccaneers não conseguiu fazer absolutamente nada. O WR com mais jardas foi o Chris Godwin, com um total de 53 yds e um TD. O outro TD foi marcado pela defesa numa pick6 lançada pelo Gattopolo. O ataque do Niners fez um TD com o WR Richie James, mas o show mesmo foi da defesa que liderada pelo, bom e velho, Richard Sherman,. O jogo, no geral, foi tão feio que não sei nem o que o Gattopolo fazia lá. Só ele mesmo pra deixar essa partida mais bonita.

49ers 31 @ 17 Buccaneers

Indianapolis Colts vs Los Angeles Chargers

Indianapolis Colts e Los Angeles Chargers foi um senhor JOGÃO DA PORRA. O Chargers demonstrou certo domínio no primeiro tempo, mas nos terceiro e quarto períodos o bicho pegou bonito e o Colts encostou no Placar. Aliás, empatou o jogo e só não ganhou no tempo normal por que o vovô Vinatieri mostrou que já deveria estar comentando jogos invés de estar em campo; o kicker do Colts errou dois field goals e um ponto extra – 7 pontos que fizeram falta no fim da partida. O jogo foi para a prorrogação com um 24 a 24 no placar e o Chargers venceu graças à regra ridícula de prorrogação da NFL que não permite uma segunda posse de bola após touchdown. Menino Bri7 terminou o jogo com 21/27, 190 jardas e dois touchdowns, mostrando que o Andrew Luck pode não fazer tanta falta assim, enquanto o papai Felipe Rios terminou com um 25/34 passes, 333 jardas e 3 touchdowns lançados, além de uma interceptação. O destaque ficou para o garoto Austin Ekeler que correu pra um touchdown e recebeu outros dois e acabou com as chances de um bom contrato para o Melvin Gordon.

Colts 24 @ 30 Chargers

Detroit Lions vs Arizona Cardinals

No jogo entre dois candidatos à disputa pela primeira escolha do Draft 2020 (que o Dolphins já mostrou ser dono), o Detroit Lions demonstrou grande desempenho ao abrir uma vantagem de 24 a 6 no jogo. Entretanto, ninguém esperava que, mesmo vencendo em pleno no Arizona o Detroit Lions cometeria a proeza de deixar o Cardinals chegar. O que já parecia decidido, tomou um novo rumo quando Kyler Murray, RB do Cardinals, com seus incríveis 1,78 m de altura, resolveu crescer no jogo e destruir a vantagem do Lions. Na prorrogação, ambas a equipes evidenciaram o porque de serem consideradas fortes concorrentes à primeira escolha no Draft. Foi uma briga de entrega e nenhum dos dois times quis ganhar o jogo, e a partida terminou empatada.

Lions 27 @ 27 Cardinals

New England Patriots vs Pittsburgh Steelers

 

 

Ver esta publicação no Instagram

 

e o tom brady que entrou em campo ao som da marcha imperial kkkkkkkkkkkkkkkkkk

Uma publicação partilhada por NFL da Zueira (@nfldazueira) a

O império do mal começou sua temporada em casa para apresentar a todos o banner de Campeão do Super Bowl LIII (com um jogo daquele eu teria vergonha de expor). E para a festa de revelação do banner, convidaram o maior freguês de Tom Brady dentro do Estágio da Gisele, o Pittsburgh Steelers. As abelhas vinham depois de perder os seus maiores astros dos últimos anos, Bell foi para o NY Jets e AB, por sua vez, acabara de virar adolescente e se declarou modinha irritante vestindo a camisa de New England. O jogo foi uma verdadeira agressão física. Mesmo com diversos passes sem precisão de Tom Brady e os outros milhares de passe na screen pass para seus RB’s, os Patriots irritantes conseguiram sua primeira vitória humilhante em cima do time que só era respeitado quando tinha Polamalu. Destaques para o menino Dorsett II que anotou 2 dos 3 touchdowns da partida, outro destaque vai para a defesa de New England que provou que as abelhas vão chorar saudades de Bell durante toda a temporada. Para resumir, basta agora saber quem vai ser o adversário do GOAT na sua busca ao 7º anel.

Steelers 3 @ 33 Patriots

Houston Texans vs New Orleans Saints

No jogo picanha das galáxias desta primeira semana, o maior time de Texas levou os seus 10 torcedores plantadores de milho com seus tratores até a Cidade de Deus Brees para atropelar o time mais assaltado da NFL. Após a vergonha passada pelos Saints no primeiro tempo diante da sua torcida, vendo o papai Watson doutrinando com Fuller e Hopkins, a equipe recebeu uma benção divina no segundo tempo e nos proporcionou o melhor jogo até aqui. O menino Watson ainda calou a boquinha da torcida de New Orleans com uma campanha de um verdadeiro QB elite, lançando 2 vezes seguidas para mais de 30 jardas e virando o jogando a menos de 1 minuto para o fim. Mas Drew Brees fez jus à sua origem celestial e conseguiu guiar a equipe para o drive da vitória, com uma mega paulada de 58 jardas Wil Lutz, acabando com a festinha dos chifrudos caipiras na sideline.

 

 

Ver esta publicação no Instagram

 

QUE CHUTE 58 JARDAS QUE JOGO QUE FINAL DE JOGO SENSACIONAL NFL EU TE AMO!!!

Uma publicação partilhada por NFL da Zueira (@nfldazueira) a

Texans 28 @ 30 Saints

Denver Broncos vs Oakland Raiders

No segundo jogo da rodada dupla de MNF, o BBB Brasil da NFL enfrentou as eguinhas pocotó em um campo mega moderno na NFL: metade grama morta e metade terrão. O novo QB dos Broncos deveria dar nome ao time, porque se mostrou um time completamente Flacco. Derek Carr e Terell Williams pareciam muito com a dupla que vai ganhar Super Bowl esse ano, e os novatos Ferrell e Jacobs confirmando porque foram selecionados na primeira rodada do draft pelo grandioso Oakland Raiders. Do outro lado, Chubb e Miller só viram a OL de Oakland e de vez em quando a bola lançada pelo Carr passando por cima da cabeça. Aliás, Derek Carr lançou 259 jardas na partida em 22/26 passes e um touchdown, enquanto o João Fraco teve 21/31 passes completos e 268 jardas e também um touchdown. No final, os Pé de Panos tentaram uma reação, mas só provaram ser os candidatos a disputarem a ultima vaga da divisão com os Chargers.

Broncos 16 @ 24 Raiders

Aproveita que tá por aqui e confere nosso TD’s da Zueira da Semana 1 que TÁ MUITO TOP!!!


Siga a NFL da Zueira nas Redes Sociais:

InstagramFacebookTwitterYoutube

Acompanhe nosso conteúdo mais de perto e fique por dentro de tudo o que rola na NFL e NCAA: Siga nosso Twitter e curta nossa página no Facebook. Para ganhar DEZENAS de benefícios e se tornar um apoiador do site e do nosso trabalho, clique aqui. 

Compartilhe

Comments are closed.