segunda-feira, 29 de fevereiro de 2016

Compartilhe

capinha norman tag

As negociações da offseason da NFL estão prestes a começarem! Os times têm até a tarde da próxima terça-feira para declararem se irã usar a Franchise Tag (e qual opção dela) em determinado jogador. Lembrando que Ravens e Bears já oficializaram que Justin Tucker e Alshon Jeffery, respectivamente, irão receber a Tag.

É importante conhecer bem os conceitos de Franchise Tag, os valores por posição e as opções que cada time por escolher para seus atletas. Para tudo isso, leia nossa matéria especial explicando tudo sobre Franchise Tag. Deste modo, veja os principais jogadores que ainda buscam novos contratos com suas respectivas equipes.

Von Miller (Linebacker) – Denver Broncos

t miller

Vindo de uma das melhores performances em pós-temporada da história da NFL, parece óbvio que Von Miller (26 anos) receberá a Tag do Broncos nesta offseason. Em cinco temporadas na Liga, Miller já fora selecionado para quatro times All Pro e totaliza 60 sacks (sendo 11 em 2015) e 16 fumbles forçados, tendo jogado em 72 de 80 jogos possíveis em temporada regular.

Sem dúvidas, Denver acertará em “selar” o camisa #58; afinal de contas, ele é a alma desta defesa. A franquia já se pronunciou sobre o assunto e declarou que pretende usar a Tag este ano para, em seguida, acertar um acordo de longa duração.

Josh Norman (Cornerback) – Carolina Panthers

Josh-Norman-liga-dos-32-panthers

Desde quinta-feira, Carolina Panthers e Josh Norman (28 anos) estão em conversa sobre um novo contrato para o camisa #24. O GM da franquia, Dave Gettleman, já disse que deseja entrar em acordo para um contrato de longo termo até terça-feira, mas que – se preciso – considerará a Tag para estender o tempo de negociação e, enfim, segurar o atleta. Sem dúvidas, Norman merece qualquer esforço por parte da equipe de Charlotte.

Kirk Cousins (Quarterback) – Washington Redskins

t cousins

Esta promete ser uma das histórias mais interessantes desta offseason! A Franchise Tag, neste caso, parece não ser a opção mais segura para ambos os lados. Neste momento, o Redskins já declarou que deseja ter Kirk Cousins como QB titular em 2016 e ofereceu um contrato (de longo termo) valendo aproximadamente US$ 12 milhões no primeiro ano e US$ 15 mi um ano mais tarde. Cousins não se mostrou muito satisfeito. Ele declarou que pretende receber algo em torno de US$ 19 milhões, pois é a média da Tag na posição.

Cousins merece tudo isso? É uma boa pergunta. Mas pelo atual mercado da NFL e – principalmente – pela maneira como ele jogou na temporada passada, podemos dizer que os valores são dignos.

Mas então porquê a Tag pode ser ruim para as partes? Se Kirk Cousins realmente continuar jogando bem, ele fará jus ao seu valor, o que implicaria que o Redskins realmente deveria desembolsar os US$ 19 mi. Em contrapartida, se o camisa #8 não corresponder às expectativas em 2016, Washington pode “desistir” do QB, o que implicaria que esse receberia uma quantia bem menor do que a oferecida pelo Redskins neste momento.

Doug Martin (Running Back) – Tampa Bay Buccaneers

doug-martin-buccaneers-liga-dos-32

Bucs e Martin já estão em negociação, mas nada realmente está concretizado. Contudo, a situação entre Bucs e Martin parece estar bem encaminhada. Enquanto a franquia tem bastante espaço no teto salarial, o Running Back declarou amor pelo Tamba Bay Buccaneers. Ainda, vale lembrar que Doug Martin vem de uma temporada muito boa e se mostrou bem adaptado ao novo ataque comandado por Jameis Winston.

Eric Berry (Safety) – Kansas City Chiefs

t berry

A lista de Free Agents importantes no Kansas City Chiefs para 2016 é bastante extensa. Contudo, o Chairman da franquia, Clark Hunt, já deixou claro quem é a prioridade por lá. Desde a reta final da temporada passada, o Chiefs deu início a negociação com Eric Berry, que venceu Comeback Player of the Year em 2015 após se recuperar de um câncer. Pelos detalhes e valor contratual, podemos esperar que Berry realmente receba a Tag. Mas não espere ver ele em algum time que não seja o Chiefs.

Cordy Glenn (Offensive Tackle) – Buffalo Bills

glenn

Temos visto uma considerável evolução da linha ofensiva do Buffalo Bills nas últimas temporadas; e Cordy Glenn tem grande responsabilidade nisso, lembrando que ele protege o lado cego de seu QB. Se testar o mercado, Glenn sem dúvida será o melhor OL disponível. Isso significa que o Bills – caso queira chegar aos playoffs pela primeira vez no século XXI – deve manter seu camisa #77. Importante ressaltarmos que Buffalo não tem muito espaço livre no teto salarial, mas manter Cordy Glenn tem que ser prioridade. Para isso, usar a Tag e garantir mais um ano para negociação de longo contrato é fator crucial.

Outros nomes que merecem ser citados: DE Muhammad Wilkerson (Jets), DE Olivier Vernon (Dolphins), FS Tashaun Gipson (Browns) e CB Janoris Jenkins (Rams).

Compartilhe

Comments are closed.