sexta-feira, 26 de outubro de 2018

Compartilhe

Quem acompanha a NFL há algum tempo já se deu conta do impacto que um turnover pode ter em uma partida, seja interrompendo uma campanha ofensiva que estava indo bem, seja posicionando o ataque adversário em uma boa posição de campo ou pior, dando pontos de presente para o outro time. É bastante comum ouvirmos o comentarista salientando durante a partida que evitar perder a bola (ou roubar do adversário) é uma das chaves para sair com a vitória. Que é necessário sempre buscar vencer a famosa “batalha dos turnovers”. Desta forma é natural que em toda franquia há a constante preocupação de cuidar bem da bola no ataque e de tentar tirá-la do adversário a maior quantidade de vezes possível. Mas deixando a visão imediatista de apenas de uma partida de lado, o quanto isso pode influenciar no desempenho da franquia durante toda a temporada?

Para analisar a quantidade de turnovers será utilizado a diferença entre as vezes que o time roubou a bola e as vezes que o time cedeu a bola. Olhando primeiramente para a temporada de 2018, que teve 7 rodadas completas até o momento (o que aconteceu ontem à noite entre Texans e Dolphins não está sendo levado em conta aqui), o LA Rams ainda invicto possui a melhor campanha até o momento e é o 4º colocado em diferença de turnovers. Porém o New Orleans Saints está em uma situação curiosa, possui a terceira melhor campanha do ano e é apenas o vigésimo melhor time na diferença de turnovers conquistados e cedidos.

Leia Mais: NFL demite um árbitro durante a temporada pela primeira vez na história moderna

Leia Também: O futuro dos jogos internacionais da NFL

Olhando agora inversamente, o Cleveland Browns roubou a bola 20 vezes do adversário e cedeu apenas 10 turnovers (diferença de 10) e tem o melhor desempenho dentre as 32 franquias até o momento. Porém mesmo assim sua campanha é apenas a vigésima sexta melhor. O Chicago Bears tem o segundo melhor índice de turnovers nesta temporada porém sua campanha é de meio de tabela (18º no geral), com 3 vitórias e 3 derrotas e a lanterna na NFC Norte. Para estes dois times, pelo menos até o momento, cuidar bem da bola não se converteu em uma boa campanha.

Na temporada passada, das 5 melhores campanhas, apenas um time esteve entre os 5 melhores cuidando da bola. Três destes times estão acima da 10ª posição em turnovers. Na ponta de baixo da tabela, Colts e Bears tiveram as quarta e quinta piores campanhas, porém com desempenho em turnovers bastante semelhantes a times que ficaram na ponta de cima da tabela.

Por outro lado, analisando uma quantidade maior de temporadas a situação muda um pouco de figura. A tabela abaixo mostra a média da diferença de turnovers dos 5 melhores e piores times das temporadas de 2014 a 2017. Fica mais claro que, em uma amostragem de tempo um pouco maior, já é possível visualizar que times com melhores campanhas também tem melhores desempenhos em turnovers, enquanto o oposto também é verdadeiro. Exceções acontecem, como o Broncos de 2015 que teve uma diferença de -4 neste indicador.

Olhando inversamente, fiz a comparação da posição que os times ficaram nessa estatística de turnovers comparando com a média de suas campanhas (vitórias dividido pelas derrotas) nos últimos 4 anos. Fica explícito que os times que melhor cuidaram da bola (e a roubaram dos adversários) tem mais chances de ter campanhas positivas do que times que brigam com turnovers. Torna-se bastante claro que a temporada de 2017, citada anteriormente, foi uma exceção à regra. Podemos ver o reflexo da relevância de vencer a batalha dos turnovers também em Super Bowls. De 2013 para cá, os times que venceram roubaram a bola em média 9 vezes a mais do que perderam na temporada regular. Isso mesmo com o Broncos puxando esta média para baixo com sua temporada de 2015 (quando cedeu a bola 4 vezes a mais do que recuperou).

Vencer a batalha dos turnovers não é uma daquelas estatísticas supervalorizadas e que não significam tanto quando nos querem fazer acreditar. Ao menos no passado recente cuidar bem da bola, mesmo que não seja uma confirmação de vitória jogo a jogo, aumenta drasticamente as chances de uma campanha de sucesso na temporada.


Acompanhe nosso conteúdo mais de perto e fique por dentro de tudo o que rola na NFL e NCAA: Siga nosso Twitter e curta nossa página no Facebook. Para ganhar DEZENAS de benefícios e se tornar um apoiador do site e do nosso trabalho, clique aqui.

Compartilhe

Comments are closed.